Dinheiro teria sido o real motivo para o tumulto provocado durante a passagem do astro pelo país

Entre 200 e 400 rúpias (US$ 4 a US$ 6): este teria sido o valor cobrado pelos fãs que aplaudiram efusivamente Tom Cruise durante a viagem promocional que o astro de Hollywood realizou à Índia na semana passada.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

A versão foi apresentada pela imprensa de Mumbai, a Meca do cinema local, que apontou a "motivação" financeira distribuída aos admiradores do ator como o real motivo dos tumultos provocados durante a passagem de Cruise pela Índia.

A viagem teve o objetivo de promover o quarto filme da franquia "Missão Impossível", protagonizada por Cruise desde 1996.

VEJA MAIS: Tom Cruise promove “Missão: Impossível - Protocolo Fantasma” na Índia

Tom Cruise em frente ao Taj Mahal, na India, no último final de semana
AP Photo
Tom Cruise em frente ao Taj Mahal, na India, no último final de semana

Após aterrissar em Nova Délhi, o ator visitou a cidade de Agra, onde conheceu o Taj Mahal, e em seguida concluiu sua viagem em Mumbai, cidade na qual foi recebido por multidões de jovens.

O representante de Tom Cruise na Índia, Sabbas Joseph, se apressou em desmentir a versão da imprensa indiana, que rotulou de "falsa" e "produto da imaginação".

NÃO PERCA! Tom Cruise e Katie Holmes levam Suri para patinar no gelo

"Não é nenhuma surpresa. Isso sempre é feito nos Estados Unidos, onde essas aglomerações são planejadas", comentou o cineasta local Alyque Padamsee, que ressaltou que "Tom Cruise não é nenhuma estrela na Índia".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.