Com saída do Tom Cavalcante da Record, humorista afirma estar à disposição da emissora, mas diz não ter o perfil da "escolinha"

Carlinhos esteve na noite desta terça-feira (22) na inauguração da Villa Mix, uma nova balada de música sertaneja em São Paulo, que tem a dupla Jorge e Mateus no comando. Mas antes de conhecer a nova casa, o humorista conversou com a imprensa e falou sobre situação na Record após a rescisão de contrato de Tom Cavalcante . Carlinhos fazia parte do elenco do humorístico apresentado por Tom. Ele, que tem contrato até metade de 2014 com a Record, desmentiu qualquer gravação de piloto com outros companheiros e elenco. “Acordei hoje com o boato de que eu estaria gravando um piloto. A gente sempre respeitou muito o Tom. Éramos cúmplices. Me sentiria um traidor se estivesse gravando um piloto enquanto fazíamos o programa”, afirmou Carlinhos, que se disse “à disposição da emissora”.

Carlinhos
AgNews
Carlinhos
“Só espero não fazer a ‘Escolinha do Gugu’. Não é o perfil que estou acostumado. Tenho um humor mais sarcástico, as vezes até negro, um humor de improviso, aquele estilo do ‘Pânico’”, explicou o humorista, que ficou conhecido como o Mendigo do programa da RedeTV!.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

Além de falar da vida profissional, Carlinhos falou da vida pessoal. Pai de Arthur, de quatro meses, ele entrou com uma ação judicial contra a mãe de seu filho, Aline Hauck . “Não vejo meu filho”, alega Carlinhos, que resolveu desabafar no Twitter sobre o assunto. “Enquanto eu quero ficar pelo menos trinta minutos com meu filho, ela foi para uma festa e deixou meu filho com sei lá quem. Aí o pai dela tomou as dores. Estou há um mês sem ver meu filho. Pago pensão direitinho”, explicou o ator.

Na ação, Carlinhos não pretende pedir a guarda definitiva de seu filho. “Ela é a mãe, não tenho esse direito. Mas ela tem que ser coerente. Sei que ela é boa mãe”, afirmou Carlinhos, que promete fazer de tudo para ver o filho o máximo de vezes por semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.