Repórter do "Legendários" foi agredido em matéria sobre motoristas alcoolizados

Repórter Elcio Coronato é agredido durante pauta em SP
Rede Record/Divulgação
Repórter Elcio Coronato é agredido durante pauta em SP

Elcio Coronato
Rede Record/Divulgação
Elcio Coronato

Elci o Coronato sofreu agressão física durante uma matéria em São Paulo. O repórter do "Legendários" esteve em um bar da capital paulistana para registrar quais motoristas pegavam o carro embriagados. “Eu abordava motoristas após saírem de baladas e bares e tentava conscientizá-los sobre os riscos de dirigir após beber”, diz ele com exclusividade ao iG Gente .

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias sobre os famosos

Quando ele percebia que alguém estava de fato embriagado, Elcio sugeria um táxi, que a produção pagaria e, caso ele negasse que havia bebido, perguntava se não se importava em assoprar o bafômetro.

VEJA TAMBÉM: Repórteres em apuros: assista às gafes

“Uma boa parte dos abordados ficou enfurecida, mas um especificamente foi extremamente agressivo. Pegou o bafômetro da minha mão, jogou no chão quebrando o aparelho, veio para cima dando um soco no meu maxilar e me ameaçou dizendo que estava armado. Esta matéria é uma boa amostra do tipo de motorista que roda pelas madrugadas das grandes cidades”, explica o repórter, que não prestou queixa pela agressão. Segundo ele, o propósito dos testes do “Legendários” é entreter e passar um recado. Apontar a responsabilidade de cada um e não jogar sempre a culpa no governo ou em grandes organizações. “Acredito que estamos conseguindo isso no programa. Abordamos diversos temas, de preconceitos a tabus, mas a base de todos eles sempre são respeito e justiça.”

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.