Hubs de Gente

enhanced by Google
 

Deborah Secco

Posição no Ranking dos famosos:
Compartilhar:
  • Nome

    Deborah Secco

  • Idade

    31 anos (26/11/1979)

  • Naturalidade

    Rio de Janeiro

  • Signo

    Sagitário

  • Status

    Casada

Ler biografia completa

FAMOSOS RELACIONADOS

  • null
  • null
  • null
  • null
  • null
  • null

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Todas as notícias

Deborah Secco no Twitter

  • jeehcrf nos #10artistasquemegustarianconocer faltou mais um monte de gente... Faltou a Deborah Secco, Cássia Kiss, Zezé Polessa, Paul McCartney...:)
  • MarcoSalvesRJ A mulher Melancia Andressa Soares é a falsa gostosa longe de ser de verdade como as falsas magras da Cleo Pires e da Deborah Secco #fato
  • MarcoSalvesRJ A mulher Melancia Andressa Soares é a falsa gostosa longe de ser de verdade como as falsas magras da Cleo Pires e da Deborah Secco #fato
  • MarcoSalvesRJ A mulher Melancia Andressa Soares é a falsa gostosa longe de ser de verdade como as falsas magras da Cleo Pires e da Deborah Secco #fato
  • otherstrangers As pessoas assistiram Bruna Surfistinha e ficaram impressionados com os peitos da Deborah Secco, eu fiquei com Radiohead e Yeah Yeah Yeahs!
  • matwhat AAAH jaaamais assistem o filme bruna surfistinha. é brecha. a não ser é claro, se quiserem ver a deborah secco pelada ;D hahahaha
  • Rickk_Alves @DiegoDrush Deborah Secco é tão digna <3
  • Rickk_Alves Jura que a Deborah Secco tava em Maringá?
  • annalugurgel ei @lucianacsouza, só queria dizer que Deborah Secco perde viu.. kkkkkkk #parei
Siga o Twitter do iG Gente

Biografia completa de Deborah Secco

BIOGRAFIA

Nascida no Rio de Janeiro e filha da dona de casa Sílvia Regina Fialho e do professor de matemática Ricardo Secco, Deborah tem dois irmãos, Ricardo e Bárbara. A atriz estreou na TV aos 8 anos fazendo comerciais. Três anos depois atuou em sua primeira novela, Mico Preto, da Rede Globo, em minisséries desta emissora e em diversas peças de teatro, como “Sapatinhos Vermelhos” e “O Soldadinho de Chumbo”.

Em 1994, assinou um contrato de um ano com a TV Cultura. Foi lá que ganhou destaque como protagonista do seriado “Confissões de Adolescente”, papel que lhe rendeu o Prêmio APCA na categoria “Atriz Revelação”. De volta à Globo em 1995, onde permanece até os dias atuais, Deborah atuou em “A Próxima Vítima”, seu primeiro trabalho em horário nobre. Após ganhar o reconhecimento por sua atuação nas novelas “Vira-Lata” (1996), “Zazá” (1997) e “Era um a Vez” (1998), recebeu convites para integrar o elenco em outros folhetins da emissora.

Em 1999, a atriz se destacou interpretando a “maria-chuteira” Marina em “Suave Veneno”, e em agosto do mesmo ano, posou pela primeira vez posou pela primeira vez para a edição brasileira da revista Playboy. No ano seguinte, viveu a sua primeira vilã em novela, a íris de “Laços de Família” e em 2001, a primeira protagonista em novela, a Cecília de “A Padroeira”. Desde então, fez mais seis novelas: “O Beijo do Vampiro” (2002), “Celebridade” (2003), “América” (2005), “Pé na Jaca” (2006), “Paraíso Tropical” (2007), “A Favorita” (2008).

No início de 2010, foi acusada de improbidade administrativa. A atriz teria sido “laranja” de seu pai em esquema de corrupção do governo do Rio. Nesta mesma época, filmou “O Doce Veneno do Escorpião”, sua estreia no cinema como protagonista. O longa, que conta a história da ex-prostituta Bruna Surfistinha, deve ser lançado no segundo semestre de 2011. Em seu mais recente trabalho na televisão, Secco vai viver uma ex- participante de reality show na próxima trama de Gilberto Braga, “Insensato Coração”.

<span>Deborah Secco ganhou fama quando interpretou a personagem Carol, na série Confissões de Adolescente, em 1994</span> - <strong>Foto: Reprodução</strong> <span>Mas foi como Darlene, em “Celebridades”, que Deborah alcançou o ápice de sua carreira</span> - <strong>Foto: Divulgação/Globo</strong> <span>A atriz já posou duas vezes para a “Playboy”, uma em 1999 e 2002, sendo que na segunda ela já estava com as próteses de silicone</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Entre os namorados que a atriz já teve está o cantor Falcão, do qual Deborah chegou a fazer uma tatuagem, mas depois apagou o nome do dele</span> - <strong>Foto: AgNews</strong> <span>... e Roger Flores, com quem a atriz se casou, se separou, e voltou. Hoje o a casal junto e feliz</span> - <strong>Foto: AgNews</strong> <span>Hoje Deborah é uma das apostas da Rede Globo, mas fora das telinhas a atriz também está em alta, sendo a escolhida para interpretar a prostitua Bruna Surfistinha</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong>

Deborah se casou em 1997 com o diretor Rogério Gomes, união que durou três anos. Após a separação, namorou o ex-paquito Marcelo Faustini, os atores

Maurício Mattar, Dado Dolabella, Marcelo Faria e Erik Marmo. Manteve um relacionamento de dois anos com Falcão, o vocalista do Rappa, que teve fim em dezembro de 2006. A paixão era tanta que ela chegou a fazer uma tatuagem com uma declaração ao músico: “Falcão, amor eterno, amor verdadeiro”. Em 2009, a atriz se casou com o jogador Roger Flores em uma cerimônia discreta em Itaipava, no Rio de Janeiro. Nove meses depois o casal começo enfrentar uma crise, aparentemente desencadeada pela distância (Roger morava no Qatar, na Arábia Saudita). Em abril de 2010, Deborah passou a circular sem aliança e o casal se separou; mas reataram o casamento em agosto do mesmo ano e estão juntos até então.

Logo cedo, aos 8 anos, Deborah já trabalhava na TV, fazendo publicidade. Também chamava atenção nos palcos até que, em 1990, aos 11 anos conseguiu um papel na novela "Mico Preto", da Rede Globo. Transitou com alguns papeis menores pela emissora carioca até que em 1994 foi contratada na TV Cultura para protagonizar "Confissões de Adolescente", série que a garantiu um prêmio APCA de Melhor Atriz Revelação.

Deborah retornou para a Globo no ano seguinte, passando por diversas produções como "A Próxima Vítima" (1995), "Era Uma Vez" (1998), "Zazá" (1997) e "Suave Veneno" (1999) e "Laços de Família" (2000), novela que consagrou sua primeira vilã, Íris, muito elogiada pelo público e crítica.

Seu papel mais marcante na TV foi a protagonista Sol, de "América" (2005), uma garota do subúrbio carioca que sonhava em ganhar a vida nos Estados Unidos. Também Darlene Sampaio, de "Celebridade" (2003), uma manicure que vivia em busca da fama.

Televisão

Mico Preto (1990)
Você Decide (1992)
Escolinha do Professor Raimundo (1992)
Contos de Verão (1993)
Confissões de Adolescente (1994)
A Próxima Vítima (1995)
Você Decide (1996)
Vira Lata Tatu (1996)
Zazá (1997)
Era Uma Vez... (1998)
Suave Veneno (1999)
A Invenção do Brasil (2000)
Laços de Família (2000)
Sítio do Pica Pau Amarelo (2001)
A Padroeira (2001)
Festival de Desenhos (2002)
O Beijo do Vampiro (2002)
Os Normais (2002)
Brava Gente (2002)
Homem Objeto (2003)
Celebridade (2003)
Casseta & Planeta, Urgente! (2004)
América (2005)
Pé na Jaca (2006)
Paraíso Tropical (2007)
A Favorita (2008)
Decamerão (2008)
Ó Paí, Ó (2009)
As Cariocas (2010)
Insensato Coração (2011)

Cinema

Um Anjo Trapalhão (2000)
Caramuru - A Invenção do Brasil (2001)
Xuxa e os Duendes 2 (2002)
Casseta & Planeta (2003)
Meu Tio Matou um Cara (2004)
A Cartomante (2004)
Tudo Isso é Fado (2004)
Bruna Surfistinha (2010)

Teatro

Brincando de Era uma Vez (1989)
Sapatinhos Vermelhos (1992)
O Soldadinho de Chumbo (1993)
A Roupa Nova do Imperador
(1994)
Confissões de Adolescente (1996)
As Lágrimas Amargas de Petra (2001)
O Canto e o Encanto de ser Mulher (2003)
Surto (2006)
Homens, melhor não tê-los, mas se não tê-los, como sabe-los? (2006)
Mais Uma Vez Amo (2010)

Ver de novo