Em entrevista exclusiva ao iG, modelo fala sobre a realização com a maternidade e a busca de novos rumos

Daniella Sarahyba cresceu sob os olhares das lentes dos fotógrafos de moda e da mídia. Modelo desde os 12 anos, ela já rodou o mundo, participou de campanhas para grifes de renome - como Victoria’s Secret e Banana Republic - e estampou capas das principais revistas de moda. Aos 20 anos, quando morava em Nova York, dizia que se sentia realizada. Mas foi há um ano e cinco meses, com o nascimento da filha Gabriela, que ela descobriu o verdadeiro significado desta palavra. “Com certeza estou vivendo um dos momentos mais felizes da minha vida”, afirma.

Daniella Sarahyba
Isabela Kassow
Daniella Sarahyba

As prioridades mudaram. A ansiedade que a fazia querer estar sempre trabalhando deu lugar à realização pessoal. Casada há quase cinco anos com o empresário Wolff Klabin , Dani está mais low profile e fazendo trabalhos selecionados. “O Wolff é um cara superdiscreto e a família dele também”, disse ela, acrescentando: “Hoje, tenho uma vida muito mais tranquila por isso”.

Leia também: Daniela Sarahyba e amigas lançam blog com cara de revista feminina

Depois de 16 anos, estrelando campanhas e desfilando, a carioca resolveu investir em outras profissões. Há sete meses se juntou a três amigas para criar o blog BossaMe e estuda para se tornar apresentadora. “Vida de modelo cansa”, diz.

Confira abaixo a entrevista que Daniella Sarahyba concedeu, com exclusividade, ao iG:

iG: Nesse ano você completa 16 anos de carreira e muitas modelos da sua fase já buscam outros caminhos. Você tem vontade de fazer outras coisas?
Daniella Sarahyba:
Eu trabalho desde os 12 anos e chega uma hora em que você quer buscar outros desafios. Eu realmente quero me ver fazendo outra coisa. Já trabalhei muito como modelo e é uma profissão que tem de se viajar muito. Hoje, tenho minha família. Quero algo estável, perto de casa. Estou estudando para trabalhar na TV. Mas não quero ser atriz.

Pegar um papel e interpretar outra pessoa é difícil. Meu marido também não ia curtir.”

iG: O que quer fazer?
Daniella Sarahyba:
Penso em trabalhar como apresentadora de um canal fechado. Me sinto totalmente à vontade na frente das câmeras e estou tendo aulas com a Camila Amado. Sou muito desinibida. A vida de modelo cansa...

iG: Você já fez várias participações em novelas e séries. Por que não tem o desejo de ser atriz?
Daniella Sarahyba:
Não tenho o dom. Acho legal quando você estuda e se prepara para fazer bem feito. Não seria o meu forte. Pegar um papel e interpretar outra pessoa é difícil. Acho também que meu marido não ia curtir. Quero fazer o que sei que vou mandar bem. E, por mais que tenha uma grande intimidade com a câmera, atuar não é meu forte. Sei disso.

Daniella Sarahyba:
Isabela Kassow
Daniella Sarahyba: "Quero ter outro filho, mas agora ainda não"

iG: Porque o seu marido não gostaria? Ele tem ciúmes?
Daniella Sarahyba:
Ah! Por diversos motivos. O Wolff é um cara superdiscreto e a família dele também.

iG: Teve problemas com ele no início do relacionamento por ser famosa?
Daniella Sarahyba:
Ele me conheceu assim, né? Eu falo para ele: “Amor, faz parte”. Ele não reclama. Mas, hoje, tenho uma vida muito mais tranquila por isso. Tento não pegar trabalhos que me distancie muito de casa e seleciono os eventos a que compareço.

iG: Se sente realizada assim?
Daniella Sarahyba
: Com certeza estou vivendo um dos momentos mais felizes da minha vida. A Gabriela trouxe uma alegria para minha vida que é inexplicável. Ela é uma criança tão alegre, está sempre cantando e brincando. Meu sonho era ser mãe. Sou uma pessoa protetora. Cuidava do meu irmão, da minha mãe e de todos que estavam a minha volta. Mas agora realizei meu sonho: tenho minha família para cuidar.

iG: É verdade que você procurou uma psicóloga para poder conseguir sair sem a Gabriela?
Daniella Sarahyba:
Não! Eu li isso, mas não sei de onde tiraram. Eu tenho uma psicóloga e já conversei com ela como conciliar a carreira com a vida de mãe e dona de casa. Mas isso não é algo que precise tratar (risos). De fato, sou muito apegada a ela. Por exemplo, me sinto culpada quando não consigo dar banho e colocá-la para dormir. Em janeiro, viajei pela primeira vez sem ela. Achei que ia morrer!

Daniella Sarahyba
Isabela Kassow
Daniella Sarahyba

iG: Se arrependeu?
Daniella Sarahyba:
Não. Fiquei em uma estação de ski em Courchevel, na França, por sete dias. Saí de casa aos prantos, mas cheguei lá e curti muito. É importante também ter um tempinho só com o marido. Lógico que morri de saudades, mas foi uma delícia a viagem.

Meu biótipo é diferente dessas modelos. Essas meninas pesam 20 a 30 quilos a menos que a altura. É uma loucura.”

iG: Vocês se preocupam em deixar a Gabriela distante dos holofotes?
Daniella Sarahyba:
Sim, eu tento protegê-la da mídia. Mas paparazzo é a coisa mais chata que existe na vida. Como disse, o Wolff é um cara discreto e não gosta que fotos dela fiquem aparecendo em todos os cantos. Acredita que só fui uma vez a praia com a Gabriela? Eu, que era a garota mais rata de praia, não vou mais porque depois vou abrir os sites e terá fotos minha com a minha filha. Isso é bem desagradável. A privacidade é muito importante para o ser humano.

iG: Já pensa engravidar de novo?
Daniella Sarahyba:
Quero ter outro filho, mas agora ainda não. Estou curtindo muito essa fase da Gabriela e quero aproveitar bastante antes de ter outro filho. Ia amar se ficasse grávida de gêmeos.

iG: Em uma entrevista você disse que o mais difícil na gravidez foi se sentir gorda. Está pronta para passar por isso de novo?
Daniella Sarahyba:
Não irei comer tanto brigadeiro da próxima vez (risos). Engordei 18 quilos, não fiquei gorda. Mas não tem como a mulher se sentir bonita, né? Apesar de achar lindo uma mulher grávida. Bom, eu não me achava bonita. Me sentia enorme e toda inchada. Mas vale a pena. Voltei a minha forma após seis meses.

iG: Modelo sempre fica complexada com o peso. Você ainda se importa com isso?
Daniella Sarahyba:
Não e não posso lutar contra isso. Definitivamente, meu biótipo é diferente dessas modelos. Essas meninas pesam 20 a 30 quilos a menos que a altura. É uma loucura. Não vou ficar lutando para ser fashion, magérrima que não dá. Estou feliz com meu corpo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.