Hubs de Gente

enhanced by Google
 

Daniel

Posição no Ranking dos famosos:
Compartilhar:
  • Nome

    Daniel

  • Idade

    41 anos (09/09/1969)

  • Naturalidade

    Brotas (SP)

  • Signo

    Virgem

  • Status

    casado com Aline de Pádua

Daniel começou em festivais regionais de música sertaneja após formar uma dupla com o pai. Em uma apresentação conheceu João Paulo, com quem formou nova dupla em 1980. Após 17 anos, nove discos e cinco milhões de cópias vendidas, João Paulo morreu em um acidente de carro. Em carreira solo, até como ator se arriscou. Muito reservado, Daniel é casado com Aline de Pádua, com quem tem uma filha.

Ler biografia completa

FAMOSOS RELACIONADOS

  • Zezé Di Camargo
  • Junior Lima
  • Sandy
  • Faustão
  • Hebe Camargo
  • Xuxa

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Todas as notícias

Daniel no Twitter

  • luuguterres victor,daniel alves, mario fernandes, davi luis, andre santos, d'alessando, oscar, giuliano, lucas, philippe coutinho e pato! né @gabe_gavp
  • luuguterres victor,daniel alves, mario fernandes, davi luis, andre santos, d'alessando, oscar, giuliano, lucas, philippe coutinho e pato! né @gabe_gavp
  • AndersonCarlo Se bem que, Elano, Lucas Neiva, Daniel Alves Enganador, Pato, Robinho e André Santos podem né? então...
  • AndersonCarlo Se bem que, Elano, Lucas Neiva, Daniel Alves Enganador, Pato, Robinho e André Santos podem né? então...
  • MilaHarryPotter Nossa Dia 23 de Julho era pra ser um dia FELIZ (Niver do Daniel Radcliffe) e acabou sendo um dia Bem TRISTE Amy Winehouse MORREU :(
  • MilaHarryPotter Nossa no dia 23 de Julho, Era pra ser um dia FELIZ (niver do Daniel Radcliffe) e acbou sendo uns dos dia mais triste amy winehouse MORREU
  • rodriguesbrs hj eu comprei a revista #ATREVIDA só por causa da reportagem com DANIEL RADCLIFFE,RUPERT GRINT & EMMA WATSON
  • gresilv Emma Watson, Rupert Grint, Tom Felton e Daniel Radcliffe não preciso falar o porque né? Fizeram e faz parte da minha vida.
  • Mary_Childs Meu amigo acaba de me dizer: Andei ao lado de Daniel Radcliffe hoje... nem falei nada com ele, mas se fosse a Gaga... MUNDO INJUSTO!
Siga o Twitter do iG Gente

Biografia completa de Daniel

BIOGRAFIA

Nascido no interior de São Paulo, Daniel é o terceiro dos quatro filhos de José Sebastião Camillo e Maria Aparecida Cantador Camillo. Desde cedo mostrou o seu interesse pela música, cantando para o irmão que sofria de paralisia cerebral. Aos cinco anos aprendia seus primeiros acordes e, ganhando seu primeiro violão três anos mais tarde, aproveitou para formar uma dupla com o pai – cantando tanto na praça da cidade como no bar dos tios. Neste período, sua voz também ecoava na rádio local. O caminho parecia já estar trilhado, e Daniel passou a participar de festivais regionais de música sertaneja.

Foi durante uma apresentação que Daniel conheceu João Paulo, que cantava nos festivais ao lado do irmão. Em 1980 os dois formaram a dupla “João Paulo e Daniel”, um dos grandes sucessos sertanejos da época. Apenas cinco anos depois lançaram o primeiro disco. Embora sempre apoiados pelo pai de Daniel, a dupla contratou um empresário profissional que seria responsável pelo salto na carreira. Alguns anos mais tarde, conseguiram alcançar reconhecimento nacional com as músicas “Desejo de Amar” e “Estou Apaixonado”- uma adaptação da “Estoy Enamorado”, da dupla Donato e Estefano.

Em 1997, uma carreira que decolava sem parar – a dupla já tinha nove discos lançados e mais de 5 milhões vendidos – foi abalada pela morte de João Paulo, vítima de um acidente de carro. O fato comoveu o País e Daniel chegou a pensar em desistir de cantar. Entretanto, o apoio de fãs e familiares deu a força que faltava para continuar a carreira solo. Sobrepôs o estilo romântico ao sertanejo e passou a lançar um CD por ano, tornando-se um verdadeiro fenômeno de vendas. Mas seu trabalho não pararia por aí.

Projetos sociais sempre fizeram parte da vida de Daniel, motivado em parte pelo cuidado com seu irmão mais velho. Foi convidado então, em 2000, para ser padrinho ao lado de Hebe Camargo no programa Teleton – uma maratona solidária transmitida pelo SBT desde 1998 com o intuito de arrecadar fundos para pacientes da AACD. No mesmo ano, também estreou o projeto “Daniel Futebol Clube”, levando jogos beneficentes para todo o Brasil – cuja renda é destinada a entidades assistenciais das cidades em que os eventos são realizados.

Daniel estreou na dramaturgia em “Xuxa Requebra”, de 1999. Em 2003, fez “Didi, o Cupido Trapalhão”. O ano de 2009 seria particularmente especial para o cantor, pois interpretaria para as telonas o personagem Diogo, de “O Menino da Porteira”, uma trama que levou mais de meio milhão de pessoas ao cinema. Bem sucedido em seu papel, foi convidado a atuar no remake “Paraíso”, assumindo o papel que o também cantor sertanejo Sérgio Reis teria incorporado na primeira versão da novela, em 1982. Mas a vocação para a música não seria nem um momento abandonada: paralelamente, regravou grandes clássicos em três volumes da coleção “Reino Encantado”. Mudou de gravadora em 2010 (da Som Livre para a Warner Music) e lançou o álbum “Raízes” em CD e DVD, já com a tecnologia Blu Ray.

<span>Daniel</span> - <strong>Foto: Fernando Nascimento</strong> <span>Casamento de Daniel e Aline de Pádua</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Daniel e sua mulher Aline de Pádua</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong>

Embora discreto e claramente disposto a ajudar os outros, Daniel não passou imune ao assédio da mídia. Em junho de 2006, um acidente de carro na rodovia João Leme dos Santos, na região de Salto do Pirapora, resultou na morte do motorista – seu empresário – e um passageiro que estava em seu veículo. Daniel e outro passageiro ficaram feridos levemente, mas o caso abalou novamente o artista, que se viu exposto a riscos com sua lotada agenda de shows.

Mesmo exposto em função deste e do caso anterior envolvendo seu antigo companheiro de palco, Daniel sempre tentou manter sua vida amorosa longe da mídia.

Em 2004, Daniel foi flagrado ao lado de Aline de Pádua, ex-bailarina de seus espetáculos. O romance foi em frente e, após seis anos de namoro, a jovem ficou grávida. Depois que Lara, a primeira filha do artista nasceu, o casal resolveu oficializar a união em uma cerimônia estritamente fechada em Jundiaí, cidade natal da noiva. Em entrevista ao “Jornal da Tarde”, contudo, o cantor afirmou que não queria ter se casado naquele momento, pois estava feliz com o relacionamento estável.

No final de 2009, o cantor se envolveria novamente em um assunto polêmico. Durante um show realizado em setembro no interior paulista, Daniel puxou uma policial militar fardada para dançar, causando alvoroço do público. As imagens foram veiculadas na internet e, após a confusão, o cantor deu uma declaração dizendo que não imaginou o transtorno que iria causar para a PM, que, além de fã, era evangélica. Porém a história não foi longe: o comandante da policia militar da região deu uma entrevista após alguns dias afirmando que a policial não seria punida, pois agiu não agiu de má fé.

Depois de estourar nas rádios brasileiras ao lado de João Paulo, Daniel teve que prosseguir sozinho diante do acidente fatal envolvendo seu antigo companheiro de palco. Apesar da tragédia, o artista contou com o apoio do público e conseguiu trilhar uma trajetória solo de muito sucesso. O hit “Estou Apaixonado”, que teria lançado a dupla ao estrelato, seria pouco a pouco substituído por canções como “Adoro Amar Você” e “Quando o Coração se Apaixona”.

Discografia

1985: “Amor sempre amor”
1987: “Planeta coração”
1989: “João Paulo e Daniel vol.3”
1992: “João Paulo e Daniel vol.4”
1994: “João Paulo e Daniel vol.5”
1995: “João Paulo e Daniel vol.6”
1996: “João Paulo e Daniel vol.7”
1997: “João Paulo e Daniel vol. 8”
1998: “João Paulo e Daniel AO VIVO” e “Daniel”
1999: “Vou levando a vida”
2000: “Meu Reino Encantado” e “Quando o Coração se Apaixona”
2001: “Daniel en espanol” e “Daniel ao vivo”
2002: “Um Homem Apaixonado”
2003: “Daniel 20 anos de carreira ao vivo” e “Meu Reino Encantado II”
2004: “Em Qualquer Lugar do Mundo”
2005: “Meu reino encantado III” e “Te Amo Cada Vez Mais: ao Vivo”
2006: “Amor Absoluto”
2007: “O Melhor do Baião do Daniel” e “Em Foco”
2008: “Difícil Não Falar de Amor”
2009: “O Menino da Porteira - Trilha Sonora”
2010: “Raízes”

Cinema

1999: “Xuxa Requebra”
2003: “Didi, o Cupido Trapalhão”
2009: “O Menino da Porteira”

Televisão

2005: Participação especial em “América”
2009: “Paraíso”

Prêmios

1999: Indicado ao Troféu Imprensa na categoria Melhor Cantor
2000: Indicado ao Troféu Imprensa de Melhor Cantor e vencedor do prêmio Melhores do Ano na mesma categoria
2001: Indicado ao Troféu Imprensa na categoria Melhor Cantor
2002: Indicado ao Troféu Imprensa de Melhor Cantor e vencedor do prêmio Melhores do Ano na mesma categoria
2003: Indicado ao Troféu Imprensa na categoria Melhor Cantor e vencedor do prêmio Melhores do Ano na mesma categoria
2004: Indicado ao Troféu Imprensa na categoria Melhor Cantor
2005: Indicado ao Troféu Imprensa na categoria Melhor Cantor
2007: Indicado ao “Troféu Imprensa” na categoria Melhor Cantor e vencedor do prêmio Melhores do Ano na mesma categoria
2008: Vencedor do Troféu Imprensa de Melhor Cantor
2009: Indicado ao Troféu Imprensa de Melhor Cantor e ao “Grammy Latino” de Melhor Álbum de Música de Raízes Brasileiras – Regional Nativa pelo CD “As músicas do filme ‘O menino da porteira’”
2010: Indicado ao VI Prêmio Fiesp\Sesi do Cinema Paulista na categoria Melhor Ator pelo filme “Menino da Porteira”

 


 

Ver de novo