Cantor vive novamente a experiência da paternidade e revela que, diferente da primeira vez, muda rotina para acompanhar gestação

Daniel, que recentemente divulgou que será pai pela segunda vez , foi sem a esposa Aline De Pádua ao novo show No Tom do Tom, de Tom Cavalcante, na noite desta quinta-feira (02), no Citibank Hall, em São Paulo .

O cantor descobriu a gravidez através de um teste de farmácia realizado em uma viagem que fez com a esposa para Portugal, na Europa, onde gravou para o programa de Hebe Camargo, da RedeTV! . Ao chegar ao Brasil teve a certeza com o resultado positivo do exame de sangue. "Ela estava desconfiada. A gente estava começando a programar esta história. E foi muito rápido. A programação se antecipou um pouquinho. Mas é a hora certa e o momento certo", disse Daniel, que vê diferenças da primeira gestação da esposa para a segunda.

Siga o iG Gente no Twitter e receba notícias das celebridades em tempo real

Daniel conta como descobriu que seria papai novamente
Claudio Augusto
Daniel conta como descobriu que seria papai novamente

"A Aline está um pouco mais enjoada, mas os sintomas foram os mesmos. A primeira vez você não sabe ao certo o que é. Na primeira gravidez lembro que andávamos de barco na represa de Avaré e quando voltamos para casa ela achou que estava meio mareada", falou o cantor, que também analisou o que mudará nele em algumas atitudes da primeira gestação para agora. 

"Eu fiquei ausente por causa da novela (Paraíso, da Globo) e foi bem difícil. Foi a fase mais complicada, de enjoo, que a sensibilidade da mulher é maior. Mas atravessamos aquela fase e agora vamos curtir melhor a questão da chegada do segundo filho porque estou mais presente e conciliando melhor a agenda", contou o cantor.

Sobre sua rotina de pai, ele comentou: "Ficamos em cima, com cuidado excessivo, então acabamos sofrendo com algumas coisas, basta uma simples febrezinha que ficamos preocupados, não dormimos à noite. Mas é muito bom. Vivemos em função disso", concluiu o pai de Lara , de um ano e meio.

Apesar de curtir a experiência de ter filhos, Daniel não sabe se terá outros depois desse segundo. "Agora é muito precoce para dizer isso. Tudo vai depender de como irá correr. Às vezes é muito complicado para a mulher, que tem que passar por várias etapas. Talvez para o homem seja mais fácil. Mas se tiver que ser estamos abertos a isso, o importante é ter consciência e saber dar estrutura para filho. Importante também é não ter somente um. Se Deus nos deu essa dádiva de ter pelo menos dois filhos, acho que um passa a ser parceiro do outro", falou ele.

O sertanejo encerrou a conversa discorrendo sobre a paternidade. "É uma responsabilidade ter filhos, mas é muito bom, muda totalmente a vida da gente, é outra história, eles passam a ser a prioridade, e curtir esse momento de novo é bom até para a Aline, que é jovem ainda".

O abraço de Tom Cavalcante e Daniel
Claudio Augusto
O abraço de Tom Cavalcante e Daniel

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.