Enredos adolescentes com diferentes abordagens são hits entre os jovens. A grande quantidade de títulos assistidos diariamente são organizados por aplicativos, mas eles não conseguem apontar suas favoritas entre opções

Assistir séries se tornou um dos hobbies do momento, principalmente entre os jovens , que aproveitam o tempo livre para ficarem a par das tramas. No transporte público, por exemplo, eles são facilmente vistos no celular ou tablet, com muito foco e atenção para não perderem nenhum detalhe de algum episódio.

Leia também: Hit nos EUA, "Riverdale" aposta no mistério e chega ao Brasil pela Warner

Jovens destacaram o que os atraem em séries:
Google Docs
Jovens destacaram o que os atraem em séries: "melhores e mais viciantes do que filmes"

De acordo com dados de uma pesquisa realizada pelo iG Gente , com jovens entre 18 e 24 anos, o motivo principal das séries terem tomado conta da rotina deles é o destaque do gênero, que se sobressai aos filmes e são vistos como melhores e mais viciantes. Tal resposta é surpreendente quando se tem uma opção de “sou da geração Netflix”, já que 90% deles declararam a empresa como a principal plataforma de streaming.

Leia também: Criador de "13 Reasons Why" defende cena polêmica de estupro na 2ª temporada

O vício por séries

Montagem por divulgação
"Supernatural", "Pretty Little Liars" e "Grey’s Anatomy" se consagram como as primeiras séries assistida pelos jovens

A caça aos demônios dos irmãos Winchester, em “Supernatural”, exibida no Brasil pela Warner, ganhou o posto de primeira série assistida por essa geração pesquisada pelo iG Gente . O gênero de suspense abriu portas para esse tipo de atração, e quando misturado ao drama de amigas deu a “Pretty Little Liars”, da Freeform, o segundo lugar na pesquisa, seguida da trama médica de “Grey’s Anatomy”, original da ABC e exibido no Brasil pelo canal Sony e também disponível no catálogo da Netflix.

Atualmente, os jovens, por mais atarefados que sejam, sempre tiram um momento para se dedicarem a séries. 37% deles assistem todos os dias, enquanto 28% reservam um tempo entre uma e três vezes na semana. O que chama atenção nesse grupo é que até os 22 anos se destacam por assistirem diariamente, embora 22% das pessoas com 23 e 24 anos acompanhem próximo de 10 títulos, enquanto 28,5% dos de 18 anos afirmam ter perdido as contas de quantas séries acompanham.

Assistir a muitas histórias de uma vez pode parecer confuso, mas acredite: é possível organizar tudo, pois existem alguns aplicativos para ajudar nessa tarefa. Carolina Cavalcanti, 24, é uma das adeptas a esse tipo de ferramenta: “Estou assistindo cerca de 30 séries no momento. Uso o aplicativo TV Time para me organizar”, contou a estudante.

Dificuldades de favoritismo

A estudante Bárbara Modesto, 20, destaca
Reprodução/ Facebook
A estudante Bárbara Modesto, 20, destaca "13 Reasons Why" como sua série favorita e argumenta sobre a escolha

Em meio a diversidade de tramas, os jovens demonstraram dificuldade em escolher somente uma favorita. No entanto, Bárbara Modesto, 20, não teve dúvida em consagrar “13 Reasons Why” e fez questão de explicar a escolha: “É minha favorita, porque é uma série que fala de coisas do cotidiano que muitas pessoas fazem e não observam”.

Apesar da maioria não ter conseguido classificar o favoritismo, “13 Reasons Why”, original da Netflix, dominou a pesquisa e é, atualmente, a segunda série mais assistida entre esse grupo, ficando  atrás de “ Riverdale ”, da The CW, exibida no Brasil pela Warner Channel.

Ambas se notabilizam pelos enredos adolescentes, embora a segunda seja de uma trama com abordagem séria, de assuntos como bullying, suicídio e estupro, o que chama atenção quando o topo da pesquisa se dá a uma série de mistérios sem pretensão de conscientizar o público.

Montagem por divulgação
"Riverdale" e "13 Reasons Why" são as séries mais assistidas pelos jovens no momento

Interações sobre o assunto

Jovens se informam sobre séries por meio das redes sociais
Google Docs
Jovens se informam sobre séries por meio das redes sociais

Vale ressaltar que, além de estarem cada vez mais ligados a séries, 77% dos jovens afirmaram a preferência por assistirem aos títulos sozinhos. No entanto, a interação sobre o assunto não pode faltar, por isso a maioria deles apontou as redes sociais como lugar ideal para se informar sobre as tramas, já que é possível encontrar inúmeras páginas dedicadas ao gênero. Alguns participantes da pesquisa também participam de fóruns de discussões, incluindo alguns online como HT Forum e Reddit.

Leia também: Netflix supera Disney no mercado acionário e é empresa de mídia mais valiosa

A figura feminina se sobressaiu no interesse por séries , embora as tramas não tenham classificação de gênero. De acordo com os dados levantados, somente 27% do público são homens. Apesar desse detalhe, todos tem um interesse em comum: se aprofundar em diferentes histórias.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.