O objetivo da Plataforma Pró-Livro é criar um espaço online colaborativo de incentivo à leitura; o iG conversou com Zoara Failla, responsável pelo projeto

Com o objetivo de incentivar a leitura no país, o Instituto Pró-Livro ( IPL ) criado por entidades de fomento à leitura, lançou a Plataforma Pró-Livro, um ambiente digital completamente inovador e colaborativo. Nele, é possível cadastrar, divulgar e conhecer estudos, pesquisas, programas e projetos de fomento à leitura e acesso aos livros em todo o Brasil.

Leia também: DVD e Blu-Ray de "Moana" chegam às lojas com muito conteúdo especial

Instituto Pró-Livro lança plataforma digital de incentivo à leitura
Amazon/Divulgação
Instituto Pró-Livro lança plataforma digital de incentivo à leitura

O portal Pró-Livro também conta com ferramentas para promover o intercâmbio e a troca de experiências e conhecimentos, por meio do uso de fóruns e integração com redes e mídias sociais. O iG conversou com Zoara Failla, gerente executiva do Instituto Pró-livro e coordenadora da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil.

Leia também: “Girls” se despede com sobriedade e olhar esperançoso para os millennials

Para Zoara, a importância deste projeto está na necessidade de difusão do hábito da leitura, além de conhecer iniciativas de pessoas e instituições pequenas. "São experiências transformadoras de vidas e comunidades, que acontecem escondidas. Mas vamos buscar outras experiências, pois o desafio é grande, para conseguirmos a adesão", explicou.

Além disso, outro grande desafio do portal será a busca por colaboração, uma vez que a intenção é que este canal seja uma via de mão dupla, onde os próprios usuários cadastrem os projetos e participem ativamente da construção e da difusão do hábito da leitura. Outro ponto que o Instituto almeja alcançar com o projeto é a divulgação de iniciativas de outros estados e mesmo de pessoas que buscam incentivar a leitura em suas comunidades, além de provocar discussões neste campo.

"Poderíamos ter proposto um novo projeto, mas reconhecemos ações importantes e êxitos que já acontecem pelo Brasil. Dar visibilidade e possibilitar, em especial, com o prêmio, ao avaliar e qualificar boas práticas, fomentar o patrocínio de investidores sociais. Mas temos também como expectativa orientar políticas e ações mais efetivas", esclareceu Zoara, em relação aos projetos que já estão em prática.

Leia também: CCXP Recife mostra o que vai movimentar a cultura pop em 2017

Ela também comentou sobre as expectativas que a Plataforma Pró-Livro traz para o Instituto, e sobre a meta de alcançar cada vez mais pessoas, promovendo ações pouco conhecidas que já existem por todo o país. “Acreditamos que esta nova ferramenta reconhecerá ações exitosas já em prática pelo Brasil e estimulará mais instituições a incentivarem a leitura, alcançando um maior número de pessoas, para, em um futuro não muito distante, nos tornarmos uma sociedade que desfrute dos benefícios promovidos pela leitura”, finalizou.

* com reportagem de Reinaldo Glioche

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.