Atom Egoyan lista, em vídeo exclusivo do iG, razões que o fizeram dirigir filme estrelado por Christopher Plummer

Cena do filme
Divulgação
Cena do filme "Memórias Secretas", que estreia nesta quinta-feira (12)

“Memórias Secretas”, que estreia nesta quinta-feira (12), promete ser um filme que deixará o público incomodado, mas satisfeito com a dramaturgia. O drama de suspense conta a história de Zev ( Christopher Plummer ) e seu melhor amigo Max ( Martin Landau ), que compartilham o passado aterrorizante da crueldade nazista na Segunda Guerra Mundial e o mesmo teto numa casa de idosos nos Estados Unidos, onde refizeram suas vidas longe das dolorosas memórias do passado. Quando Max acredita que descobriu a identidade do guarda responsável pela tragédia de suas famílias há cerca de 70 anos, os dois traçam um ousado plano de vingança.

Dirigido por Atom Egoyan , de “O Doce Amanhã” (1997) e “Verdade Nua” (2005), a produção integrou a última seleção do festival de Veneza e chega ao Brasil referendada por alguns dos principais veículos internacionais.

Neste vídeo exclusivo do iG , o produtor Ari Lantos e Atom Egoyan discutem a engenhosidade do roteiro e a maneira original com que o filme fisga a atenção do público para o drama essencialmente humano de seus protagonistas.