Ator alega que não tem nenhum problema e que os colegas o apoiaram

Charlie Sheen: apoio dos amigos Sean Penn e Mel Gibson, e até do guitarrista Slash
SplashNews
Charlie Sheen: apoio dos amigos Sean Penn e Mel Gibson, e até do guitarrista Slash


Charlie Sheen vive uma fase turbulenta. Depois de uma internação em um hospital e outra em uma clínica, seguidas de tratamento de reabilitação em sua casa, o ator se indispôs com a equipe do seriado "Two and a Half Men", que estrelava, e o programa foi cancelado.

Mas apesar de todos os conflitos, Sheen alega estar bem, e recebendo apoio de amigos. Entre eles, os colegas Mel Gibson e Sean Penn .

"Mel me ligou, mas você sabe, não para me dar conselho. Apenas achou que eu gostaria de ouvir uma voz amiga", disse Sheen sobre o colega, durante entrevista ao programa de TV "Piers Morgan Tonight", da rede CNN. "Ele foi um cara legal. Fiquei realmente impressionado".

Sheen continuou: "Sean Penn estava aqui outra noite. Ficou feliz de me ver. Demos algumas risadas. Tiramos uma foto no sofá".

Ao ser questionado se algum de seus amigos havia criticado seu comportamento, Charlie respondeu: "Não, eles não seriam meus melhores amigos. Eles me conhecem. Sabem quem eu sou, e me conhecem há muito tempo".

E até o ex-guitarrista dos Guns'N'Roses, Slash, deu sua opinião sobre o assunto. Em conversa na rádio australiana Triple M, o músico declarou: "Adoro Charlie. Ele é provavelmente o personagem mais rock'n'roll no mundo do entretenimento atual".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.