Hubs de Gente

enhanced by Google
 

Cauã Reymond

Posição no Ranking dos famosos:
Compartilhar:
  • Nome

    Cauã Reymond

  • Idade

    31 anos (20/05/1980)

  • Naturalidade

    Rio de Janeiro (RJ)

  • Signo

    Touro

  • Status

    namora Grazi Massafera

Cauã Reymond estudou Psicologia, mas a carreira de modelo o levou para a Europa e depois, Nova York. Estreou na Globo em "Malhação". Não demorou para aparecerem convites para outras novelas. Participou de oito folhetins ou especiais de TV e quatro filmes. Desde 2008 está com a ex-BBB e agora atriz Grazi Massafera, com quem mora, e planeja se casar e ter filhos.

Ler biografia completa

FAMOSOS RELACIONADOS

  • Grazi Massafera
  • Alinne Moraes
  • Kayky Brito
  • Maitê Proença
  • Marcello Antony
  • Reynaldo Gianecchini

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Todas as notícias

Cauã Reymond no Twitter

Siga o Twitter do iG Gente

Biografia completa de Cauã Reymond

BIOGRAFIA

Cauã Reymond nasceu na cidade do Rio de Janeiro em 1980, fruto do relacionamento de dois jovens: Denise Reymond (então com apenas 17 anos) e o psicólogo José Marques. Aos dois anos de idade seus pais – que não eram casados – se separaram. Cauã permaneceu morando com a mãe em Nova Friburgo e o pai se mudou para Balneário Camburiú, em Santa Catarina. Inquieto, chegou a levar diversos pontos na testa ao cair da bicicleta e skate. Aluno bagunceiro, não passava mais de dois anos na mesma escola. Durante a adolescência, porém, foi morar com o pai, com quem compartilhava a paixão pelo surfe e o jiu-jítsu. O esporte conduziu Cauã a uma vida mais organizada, o que lhe rendeu aos 17 anos um título de campeão brasileiro. No ano seguinte, a vocação foi confirmada com mais um prêmio.

Com 18 anos, Cauã ingressou na faculdade de Psicologia. Ao mesmo tempo, iniciava sua carreira de modelo, motivo pelo qual trancou o curso e foi morar em Milão e Paris (onde também recebeu a faixa marrom de judô) e trabalhar com estilistas renomados mundialmente, como Gaultier. Em 2000, mudou-se para Nova York, onde estudou interpretação no “Actor’s Studio” com a consagrada professora Susan Batson. Dois anos depois, realizou o seu primeiro teste para a televisão e entrou no elenco do seriado da Rede Globo “Malhação” como Mau-Mau.

Em 2004, Cauã foi convidado a integrar o time das novelas “Da Cor do Pecado” e “Como uma Onda” e participar da comédia “Ódique?” para o cinema. No ano seguinte, conquistou o horário nobre da televisão, contracenando em “Belíssima” com atrizes de peso como Vera Holtz e Fernanda Montenegro ao interpretar um garoto de programa. Foi em função do bom desempenho nesta novela e olhares simpáticos do público feminino que o ator conseguiu em 2007 incorporar um personagem mais dramático em “Eterna Magia”, aparecendo mais uma vez nas telas do cinema com a produção “Falsa Loura”.

Porém foi a novela “A Favorita”, em 2008, que consagrou Cauã como ator de peso. Na pele de Halley, contracenou novamente com grandes nomes da televisão e fez seu complexo personagem crescer, tornando-se um dos mais notáveis na trama. Pelo seu desempenho, recebeu cinco prêmios importantes, entre eles o “Troféu Imprensa”. Um ano depois, formaria o elenco de filmes nacionais de sucesso, como “Divã” e “À Deriva”. Em 2010, aparecendo novamente no cinema com as produções “Meu País”, “Borboletas Indômitas” e “Estamos Juntos”, o ator retornou à televisão com o papel do ciclista Danilo na novela “Passione”.

<span>Cauã Reymond como o Danilo de Passione</span> - <strong>Foto: TV Globo</strong> <span>Cauã Reymond e Grazi Massafera na festa de A Favorita</span> - <strong>Foto: TV Globo</strong> <span>Lucas, de Eterna Magia, era interpretado pelo ator Cauã Reymond</span> - <strong>Foto: TV Globo</strong> <span>Cauã Reymond viveu Thor em Da Cor do Pecado</span> - <strong>Foto: TV Globo</strong> <span>Cauã Reymond como o Maumau de Malhação</span> - <strong>Foto: TV Globo</strong> <span>Cauã Reymond adolescente</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong>

 

Cauã Reymond virou colírio para as jovens brasileiras desde a sua primeira aparição na telinha. Contudo, nunca se considerou um galã e manteve discrição em suas saídas e encontros. Em 2004, fez par romântico com sua então namorada Alinne Moraes na novela “Da Cor do Pecado”, com quem viveu por três anos em uma relação muito séria: dividiam a conta bancária, usavam aliança, compartilhavam um apartamento comprado por ambos. Eram considerados como o casal mais bonito da televisão, mas tentavam ficar longe dos paparazzi. No ano seguinte, o fim do romance veio à tona. Os dois, que ainda são amigos, explicaram na época que a relação estava muito “desgastada”.

Em 2006, Cauã engatou um namoro com a modelo Lise Grendene, mas a relação só durou cinco meses. Dois anos depois, Cauã começou o romance com a ex-BBB e atriz Grazielli Massafera, com quem mora atualmente e pretende se casar. Ao contrário dos affairs anteriores, o caso com Grazi é motivo de orgulho para o ator, que fala abertamente para a imprensa sobre os seus planos de casamento e filhos.

Dedicando um de seus prêmios à companheira, em 2008, Cauã também apareceu ao lado da namorada – com os seios completamente à mostra - em um ensaio provocante do fotógrafo peruano Mário Testino. Embora constantes rumores apontem crises de relacionamento entre dos dois, que seriam motivadas por ciúmes do ator, o casal sempre aparece ao público esbanjando simpatia.

Cauã Reymond ingressou na televisão em 2002 com a série “Malhação”, onde atuou por dois anos. Entretanto, o grande passo de sua carreira foi mesmo a interpretação do personagem Halley na novela “A Favorita”, em 2008. O ator, que atuaria apenas como coadjuvante, tornou-se co-protagonista da trama, conquistando pelo trabalho cinco prêmios. Em 2010, o ator arrancou novamente bons elogios da crítica no cinema, ao interpretar um homossexual em “Estamos Juntos".

Televisão

2002: “Malhação”
2003: “Cidade dos Homens” (participação especial)
2004: “Da Cor do Pecado” e “Como Uma Onda”
2005: “Belíssima”
2006: “Minha Nada Mole Vida” (participação especial)
2007: “Eterna Magia”
2008: “A Favorita”
2010: “Passione”

Cinema

2004: “Ódique?”
2007: “Falsa Loura”
2009: “Se Nada Mais Der Certo”, “Divã”, “À Deriva”, “Não Se Vive Sem Amor” e “Rei e Ratos”
2010: “Meu País”, “Borboletas Indômitas” e “Estamos Juntos”

Prêmios

2008: Troféu Imprensa, Troféu Internet e Prêmio Contigo de Televisão na categoria Melhor Ator, Prêmio Melhores do Ano e Extra de Televisão como Melhor Ator Coadjuvante pelo seu trabalho em “A Favorita”.
2009: Festival Ibero-Americano de Cinema/19ª Edição – Melhor Ator no Cine Ceará
2010: Hollywood Brazilian Film Festival – Novo Talento do Cinema Nacional
 

Ver de novo