Ator acompanha a repercussão de assuntos como espiritismo e discos voadores

Selmy Yassuda
"Fiquei satisfeito com o resultado", diz Carlos Vereza sobre a repercussão de sua entrevista ao iG
Desde o dia 1º de novembro, quando foi publicada no iG uma entrevista exclusiva com Carlos Vereza , centenas de internautas vêm discutindo os assuntos levantados pelo ator. Até o meio-dia desta segunda-feira (7), já foram contabilizados mais de 740 comentários de leitores na página da matéria, e mais de três mil recomendações no Facebook, entre outras redes sociais.

Leia também: Carlos Vereza - 'Vi discos voadores e eles sabiam que eram vistos'

Vereza concedeu a entrevista em seu apartamento, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio. Na mesma ocasião cedeu um vídeo que filmou com a ajuda de seu secretário, dizendo ser de discos voadores que cruzam o céu em frente a sua varanda. “Os extraterrestres estão limpando a crosta terrestre das explosões atômicas que acontecem no sul do oceano pacífico”, disse, gerando repercussão também em outros veículos.

Com tanta gente comentando, criticando ou simplesmente elogiando a atitude de Vereza de vir a público expor suas opiniões a cerca de assuntos sempre polêmicos e que desafiam a ciência, o ator voltou a quebrar o silêncio. Ele tem acompanhado o debate em torno de sua entrevista e, em algumas ocasiões, também publica réplicas no espaço destinado a comentários. “Fiquei satisfeito com o resultado. É importante mesmo que se discuta isso, que as pessoas parem para pensar em outras coisas”, disse.

LEIA TAMBÉM: Daniela Albuquerque diz que um ET fez massagem nas costas dela

Ele critica, por exemplo, a atitude de uma internauta que também se diz espirita. “Diga-me, na minha entrevista (e não uma tese de doutorado), em que momento fugi dos princípios da Doutrina Espirita? Não basta ‘estudar’ em universidades espiritualistas sem ter o contato real com as manifestações! (...) Cuidado com a soberba, não combina com a doutrina!”, escreve.

Para outro leitor Vereza esclarece que não pretendia elaborar com essa entrevista “um tratado sobre a doutrina espirita”. “Felizmente a maioria dos comentários soube aproveitar o que de útil ela possa ter transmitido, sem a pretensão de minha parte de demonstrar erudição”, escreveu ele, sempre pontual em suas declarações.

Para continuar participando do debate, acesse o link da matéria e, na parte inferior da página, escreva no campo destinado a comentários. Lembrando que o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado.

Assista ao vídeo gravado por Carlos Vereza da varanda de seu apartamento:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.