Estreando a peça "Palácio do Fim", em São Paulo, a atriz ainda estará na próxima novela das nove e em "As Brasileiras"

Camila Morgado diz que papel de mãe de santo foi presente:
Claudio Augusto
Camila Morgado diz que papel de mãe de santo foi presente: "Ninguém iria pensar em mim nessa personagem"
Com um figurino bem diferente do que se apresenta na peça "Palácio do Fim", dirigida por José Wilker , em que veste uniforme camuflado, coturno e sem maquiagem, Camila Morgado concedeu uma entrevista ao iG Gente na noite desta sexta-feira (20), após a estreia do espetáculo no Teatro Anchieta do SESC Consolação, em São Paulo.

De minivestido, brincos, salto alto, rímel e batom, a atriz falou como é interpetar a oficial do exército americano Lynndie England, acusada pelo abuso de prisioneiros no Iraque. "O texto dela é muito difícil, ela comete atrocidades que o mundo sabe, conta casos muitos difíceis de lidar. Quando comecei a decorar, teve um dia que fiquei muito mal e tive que parar. Porque a gente se afeta, né? Isso foi muito difícil para mim, mas no começo", disse.

Camila Morgado na pele de Lynndie England na peça
Divulgação
Camila Morgado na pele de Lynndie England na peça "Palácio do Fim"
Siga o iG Gente no Twitter e receba notícias dos famosos em tempo real

Mesmo iniciando uma temporada do espetáculo na capital paulista, Camila ainda continuará no comando do programa "Saia Justa", no GNT. "Mas fico até o final de março, infelizmente porque estou adorando fazer", completou. Isso porque ela vai participar da próxima novela das nove, "Avenida Brasil", que deve ocupar o lugar de "Fina Estampa" no final de março e na qual interpretará Noêmia, casada com o personagem de Alexandre Borges , que terá mais duas mulheres na trama.

Fora tudo isso, Camila Morgado também poderá ser vista na minissérie "As Brasileiras", que estreia dia 2 de fevereiro. "Vou fazer o episódio 'A apaixonada de Niterói', em que a 'mulher brasileira' será a Letícia Sabatella . Eu faço uma mãe de santo, a mãe Vitória. Ganhei esse papel de presente, porque ninguém iria pensar em mim para fazer uma mãe de santo, pois fujo do esteriótipo criado pelas pessoas. É uma personagem muito expansiva, carismática, cheia de apetrechos", contou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.