Solteiro, o ator revela que está adorando curtir este momento só seu

Caio Castro marca presença em evento esportivo
Ag.News
Caio Castro marca presença em evento esportivo
Caio Castro participou do lançamento de um evento esportivo na noite desta sexta-feira (10), em uma boate na Zona Sul de São Paulo. Solteiro – ou pelo menos sem nenhum namoro assumido – o ator contou que está aproveitando muito esta fase, e até já sabe como vai comemorar o Dia dos Namorados.

“Vou gastar comigo mesmo”, revela o ator aos risos. “Estou tão bem comigo agora, estou vivendo e aproveitando essa fase”.

Mesmo vendo vantagens em ser solteiro e morar sozinho, ele admite que a independência também tem suas desvantagens. Sem saber cozinhar e sem a mãe, ou uma namorada, para ajudar, o ator conta que sente falta de ter uma alimentação mais regrada e saudável.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

“Eu até queria ter uma alimentação melhor e um tempo também para comer no horário, mas é a vida, muito trabalho, não tenho muito tempo”, revela o ator, que responsabiliza o excesso de trabalho. “Só sei fazer macarrão instantâneo e essas coisas de microondas (risos)”. 

Gravações de "Fina Estampa"

Falando em trabalho, o ator em breve volta às telinhas na próxima novela do horário nobre da Globo, “Fina Estampa”. Caio, que já começou a trama, revela um pouco da personalidade do novo personagem.

“Doutor Antenor está vindo ai, a novela estreia em agosto, falta pouco. Ele é um estudante de medicina, já está quase se formando e o sonho dele é ser um cirurgião plástico. Vem de uma família muito humilde e é o tipo de pessoa que faz tudo para conseguir o que quer, até renegar, de repente, as origens, mas não é por má fé”, conta o ator, defendendo o personagem. “Claro, vou defender meu personagem sempre (risos). Eu vou fazer meio que um vilão, totalmente diferente do que eu fiz em 'Ti-ti-ti'”, compara ele com Edgar, seu último personagem na tevê.

Leia também: Jonatas Faro: “É uma das fases mais felizes da minha vida”

Com a responsabilidade de encarar outros desafios com seu novo personagem, ele relembra quando deu vida a um vilão mais ‘light’ em “Malhação”.

“Do Bruno de Malhação para o Antenor a diferença do tom é absurda. Em Malhação a gente vivia algo mais próximo da realidade, eu fazia um personagem quase da mesma idade, ele tinha 17 e eu na época tinha 19. Até a proposta era uma coisa mais adolescente, mais leve, agora tem uma densidade, tem uma composição bem diferente”.

E para sair do personagem quando encara uma semana com carga dramática mais pesada, Caio revela seu segredo: “Quando eu saio do trabalho, coloco uma música no carro, aí do trabalho até em casa dá para dar uma relaxada”. 

Caio Castro
Ag.News
Caio Castro

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.