A Advanced Security Concepts Corporation alega que a cantora pagou a metade do valor pelos serviços prestados durante seis meses

Britney Spears
GettyImages
Britney Spears
A empresa de segurança Advanced Security Concepts Corporation está processando Britney Spears . De acordo com o site “TMZ”, a empresa cobrava quase R$ 570 mil (US$ 303, 9 mil) por dia para fazer a segurança da cantora em tempo integral e alega ter recebido R$ 262 mil (US$ 140 mil) por dia, durante seis meses, antes de encerrar o contrato.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

A publicação informa ainda que a empresa de segurança acredita que Britney não pagou os serviços com o valor correto porque Fernando Flores – seu antigo segurança – entrou com uma ação contra ela em 2010.

Fernando acusava a cantora de o assediar sexualmente e a empresa foi condenada a pagar as despesas legais do processo de Britney. A Advanced Security Concepts Corporation assegura que Britney não cancelou o contrato com a empresa após o escândalo, mas se recusou a pagar o valor total pelos serviços de segurança.

O site diz que tentou entrar em contato com Britney para falar sobre o assunto, mas ainda não obteve resposta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.