No penúltimo paredão desta edição do programa, mineira foi eliminada com 57% dos votos

Em quase três meses de BBB 12, a mineira Kelly nunca tinha disputado um paredão. Mas como a própria disse “Não há jeito. Uma hora todo mundo tem que ir”. E no duelo contra Jonas, seu amigo do grupo Praia, ela levou a pior e foi a penúltima eliminada do programa com 57% dos votos . "Todo mundo que está lá dentro espera chegar na final e eu tenho uma autoconfiança forte. Pode se dizer que o resultado foi uma surpresa para mim”, disse ela, nesse domingo (25), após deixar a casa.

Sem grandes conflitos ou polêmicas, Kelly foi chamada por muitos de “participante planta” dessa edição do programa. A morena se defendeu e falou que tinha de ter agido mais com a razão do que com o coração. “É até engraçado ouvir as pessoas me chamando de planta porque tenho uma personalidade alegre. Falhei por não ser mais guerreira. Mas acho que não fiquei apagada”, afirmou.

A mineira ainda mostrou que não sente rancor nenhum de Fabiana - sua grande aliada no jogo, mas que manteve atritos nos últimos dias. “Sou apaixonada pela Fabi. Ela é uma mulher inteligente, esforçada e guerreira. Acho que ela tem muitas chances de ganhar”.

Sobre o futuro, Kelly afirma que pretende seguir uma carreira artística. ”Espero poder trabalhar bastante como um burro de carga. Sempre dizia, quando criança, que queria ser atriz ou apresentadora. Sou muito desinibida”, disse ela. Posar nua, não está em seus planos. No entanto, também não está descartado. Tanto, que ela já até pensou na temática do ensaio. “Sou descendente de índio e acho bonito isso. Iria por essa linha”.

Enquanto isso, a mais nova ex-BBB já tem planos para um futuro mais próximo. Kelly diz que pretende passar a primeira noite fora do confinamento com o noivo Fernando, a quem apelidou carinhosamente de Gordo. "Três meses presa ali dentro. É lógico que vou passar a noite com o Gordo", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.