Chamadas surpresas agitam a vida dos competidores dentro do confinamento

Big Fone fica na área externa da casa durante esta edição do
Reproduçao TV Globo
Big Fone fica na área externa da casa durante esta edição do "Big Brother Brasil"
Nenhum telefone é tão temido e disputado quanto o do “Big Brother Brasil”. Embora cause receio nos jogadores, ninguém consegue ficar parado ao ouvi-lo tocar. Uma simples chamada faz com que os confinados saiam correndo, numa disputa acirrada para ver quem consegue atendê-lo primeiro e, assim, ser agraciado com uma boa notícia o que, é claro, nem sempre acontece.

RELEMBRE AQUI COMO FORAM TODAS AS CHAMADAS DO BIG FONE QUE ROLARAM NO REALITY

Confira agora quais brothers foram contemplados com a sorte de atender ao Big Fone nesta edição do reality:

FAEL

O cowboy foi o jogador que atendeu a primeira chamada feita ao confinamento e recebeu a notícia de que havia sido agraciado com a possibilidade de imunizar alguém dentro do jogo.

Feliz, o veterinário até levantou o braço, num claro sinal de comemoração. Contudo, ele foi orientado a guardar em segredo a mensagem e, disfarçando para que ninguém percebesse que a ligação tinha sido satisfatória, ele fingiu se espreguiçar e voltou para dentro da casa ao desligar o aparelho.

LAISA

Uma das mais cobiçadas mensagens do Big Fone foi recebida por Bah. Assim que pegou o aparelho, ela foi informada de que havia sido contemplada com o Poder Supremo, que lhe garantia a possibilidade de alterar o voto do Líder ou a decisão do Anjo em um dos dois próximos Paredões.

Paciente, a sister aguardou o momento propício para utilizar a manobra e, só na segunda semana, ela fez uso desse poder para garantir que seu companheiro, Yuri , não fosse para a berlinda. Para isso, ela mudou a decisão do Anjo e o imunizou.

KELLY

A mineira não perdeu tempo ao ouvir o Big Fone tocar e correu em disparada para atendê-lo. A mensagem que ela recebeu foi de que havia sido imunizada, mas que, para despistar os brothers acerca do conteúdo da ligação, deveria buscar uma pulseira na despensa e entregar para o parceiro de confinamento com quem tinha menos afinidade.

A sister, então, buscou o objeto e o entregou a Yuri, que passou todo o período que antecedia o Paredão especulando sobre o que aquilo significaria para ele dentro do jogo.

Toque do telefone deixa os nervos dos brothers à flor da pele
Reproduçao TV Globo
Toque do telefone deixa os nervos dos brothers à flor da pele

RENATA

O fiasco do Big Fone ficou por conta da estudante de Psicologia. Isso porque, após sair correndo para atender a ligação, ela foi vítima de uma pegadinha da produção do programa, que fez o aparelho tocar apenas para desestabilizar os confinados, mas não forneceu nenhuma mensagem ou instrução.

Contudo, sempre desconfiados, os competidores não acreditaram quando Renata disse que havia sido trote e que não havia ninguém do outro lado da linha.

JONAS

Em uma luta quase corporal com Renata para ver quem conseguiria atender primeiro ao Big Fone, o modelo levou a melhor e foi agraciado com uma mensagem informando que ele havia conquistado o Poder do Não, que lhe garantiu o direito de vetar duas pessoas da Prova do Líder.

Para isso, o loiro foi orientado a ir até a despensa e buscar duas pulseiras, que deveriam ser entregues aos brothers que ele gostaria de eliminar da disputa pela liderança. Os escolhidos foram Rafa e Monique que, como de costume, passaram o restante dos dias até a formação da berlinda, especulando sobre o que os objetos significavam.

MONIQUE

Fiona não se deu muito bem ao correr para receber a chamada do Big Fone. Isso porque, ao contrário do habitual, dessa vez a ligação foi feita pelo apresentador Pedro Bial que, assim que ouviu a voz da moça, disparou: “Monique, é o Bial. Posso falar com o Jonas?”, indagou.

Ainda sem crer no que estava ocorrendo, a sister chamou o modelo para atender a chamada. Contudo, ele titubeou alguns instantes achando se tratar de uma brincadeira da moça. Ao vê-la insistir que o apresentador queria falar com ele, Jonas foi até o aparelho e recebeu a notícia de que, como Líder, deveria indicar alguém naquele momento para o Paredão.

Claramente nervoso com a situação, o gaúcho escolheu João Carvalho e mandou-o à berlinda.

Ao contrário da edição anterior do programa, quando o Big Fone tocava praticamente todas as semanas, neste “Big Brother Brasil” foi diferente. Apesar de, no início, os competidores costumarem fazer vigília ao lado do aparelho às sextas-feiras à noite, quando acreditavam que haveria alguma ligação, eles logo foram deixando isso de lado porque as chamadas foram bastante escassas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.