Após eliminação, ele disse querer ver ex-namorada, comentou rótulo de fura-olho e confusão amorosa na casa


Junior poderia ir longe na disputa pelo prêmio de R$ 1,5 milhão em jogo no “Big Brother Brasil 14”, mas segundo ele mesmo falou, seu grito de liberdade foi tão grande que parece ter sido mal interpretado pelo público do reality show. Com 68% dos votos, Junior foi eliminado do programa na noite de terça-feira (11). No Projac, em entrevista após o término do programa, ele tentou entender o ponto fora da curva e comentou todas as polêmicas que viveu na casa.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Junior é o oitavo eliminado do BBB
Divulgação/TV Globo
Junior é o oitavo eliminado do BBB

“Sou uma pessoa que tenta simplificar muito as coisas, e as pessoas não conseguem enxergar da mesma maneira que eu, então elas começam a achar problemas onde eu acho soluções. E o que era uma solução para mim virou um problema dentro da casa. Foi aí que, de querido, virei o centro das atenções para ser martelado. Acredito que aconteceu isso por causa da minha fidelidade com as minhas vontades”, disse.

A tal vontade que ele comentou foi ter optado por encarar um romance com Letícia depois de ter ficado com Angela na primeira semana e, além disso, sabendo que Letícia era alvo de Marcelo. Sobre o rótulo de fura-olho que recebeu fora da casa, Junior rebateu: "Fura-olho de quem? O que o Marcelo tinha com a Letícia? Na verdade, ele tinha um amor platônico. Eu furei olho de um amor platônico, então?".

Se furou ou não o olho, o lance é que a atitude do brother mudou completamente sua posição no jogo. Aquele beijo que deu em Angela “foi legal”, como ele disse, mas a relação com a advogada, que até então era bem amigável, azedou. E isso fez com que Angela se tornasse a maior decepção de Junior no “BBB 14”.

“Não é por ter ficado com ela, mas todas as vezes que tentei me aproximar, ela falava que estava tudo tranquilo e não estava. Ela falava por trás um monte de coisas. Foi uma decepção ver a pessoa que eu cuidei, que levei para as pessoas, ser a pessoa que me deu uma facada nas costas. Mas não me arrependo de ter ficado com ela de jeito nenhum”, deixou claro.

Sobre esse tal beijo escondido, inclusive, Junior afirmou que não era sua intenção negar o envolvimento com Angela. “Só não queria ficar me expondo na frente das pessoas. Foi mais o fato de ela querer expor isso que afastou a gente. Quem viu o Jogo da Verdade percebeu isso”, contou. “Quando cheguei na casa, me enturmei com todo mundo, e ela ficou meio isolada, de canto. Eu trouxe ela para a galera porque reparei em coisas primeiro que as outras pessoas. Peguei uma afinidade ímpar com ela. E daí, não era para a gente ficar, a gente acabou ficando, foi bem legal, só que eu queria que continuasse aquela coisa que estava rolando antes, mas ela parecia que queria contar para todo mundo que a gente estava ficando”, comentou.

Namoro fora do “BBB”

O comentado chifre que Junior teria colocado em Lorraine Glória , sua namorada do lado de fora da casa, segundo o supervisor de vendas nunca existiu. “Eu não cheguei lá namorando, não. Quando eu cheguei lá, eu falei: eu namoro, mas ela não namora mais comigo. Uma das questões era que se eu entrasse, não rolaria mais namoro. Então eu entrei já solto. E eu não tive muito tempo de arrumar minhas redes sociais. Do jeito que estava, eu deixei”, explicou.

Junior já morava há três anos com Lorraine, e é com ela que ele espera sentar em breve para conversar como a vida vai se desenhar daqui para frente. “Ela é uma pessoa que eu quero sentar e conversar muito. Existe sentimento, ôh se existe. Ela foi minha mulher durante três anos, a gente dormia e acordava juntos. E do dia para noite você não apaga uma história, mesmo eu tendo conhecido outras pessoas nesse meio tempo. Eu tenho amor pela vida dela. A gente tem que conversar…”, disse.

E como fica Letícia nessa história? Com uma bela amizade. “Lógico que quero conversar com a Letícia aqui fora, nem que seja para ter uma amizade verdadeira. Eu quero estar naquela porta lá quando ela sair para gente trocar uma ideia. Vamos acertar os ponteiros e ver o que vai rolar. Não estou premeditando nada”, falou Junior, que foi para debaixo do edredom com a sister: “Foi intenso até onde a gente sentiu vontade de fazer, mas sexo não rolou”, garantiu.

Para quem vai o prêmio?

Falando sobre o jogo, Junior acredita que o cara mais perigoso no “BBB 14” é Valter Slim. “Ele está jogando demais, apesar de ser meu brother. Ele é uma pessoa que está sempre dando ideia nas meninas, até pela carência da mulherada que vê o Slim como um pai e não como um homem para ter um relacionamento. Acho que a persuasão dele é maior em cima delas”, falou.

Sobre o lance entre Vanessa e Clara, assim como a gente consegue reparar no vídeo, Junior palpitou que o coração da empresária bate mais forte pela modelo do que o contrário. “Eu acho que fui o cara que mais botei pilha para elas se beijarem. Eu não senti tesão, mas achei a zoeira incrível. Era uma parada que era engraçada, porque é só em festa, né? Surgiram os boatos de ser fake, mas acho que a Clarinha gosta mesmo. Ela está amarradona na Van, mais do que a Vanessa nela”, disse.

E a torcida agora vai para quem? “Diego. Ele abriu o coração para mim, contou umas histórias... Só de ele estar hoje vendo o sol já é vencedor. Já é dele aquela parada”, finalizou Junior.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.