Brother confessa para Junior e Roni que foi usuário por cerca de dez anos, e que ficava dias longe de casa

Diego revela seu passado com drogas: “Faz uns três anos que tô limpo”
Divulgação/TV Globo
Diego revela seu passado com drogas: “Faz uns três anos que tô limpo”

Junior , Roni e Diego conversaram durante a tarde desta terça-feira (11), sobre drogas e Diego revelou que já foi internado em uma clinica de reabilitação, e os outros Brothers contam sobre amigos que também passaram por essa situação.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

"Eu tive uma batalha de uns dez anos pra mais. Graças a Deus eu nunca fui preso. Assalto, essas coisas, eu quase não fazia, porque era cagão. Ficava internado no morro uns 10, 15 dias sem voltar pra casa. Mas isso é passado. Vim fazer história nova. Mas é violento o bagulho. Só quem tá perto, quem já viu e quem fez. A parada é incontrolável. Mas já faz uns três anos que eu tô limpo", contou Diego.

"Isso ai o pessoal vê como uma parada tão distante, mas eu tenho tanto amigo próximo que está nisso daí", disse Junior, e Roni também opinou: "Na minha cidade, a maioria dos moleques que cresceram comigo agora estão na pedra". Diego então confessou qual era seu sonho: "Sabe qual era o meu sonho? Ir pra Cracolândia. Pra você ver como eu estava maluco. Eu via aquelas reportagens e queria ir pra lá".

Junior questionou o brother sobre sua relação com as bebidas alcoólicas, e Diego disse que não tem problemas com isso: "Hoje em dia não, mas eu fiquei três anos sem nada. Eu vou absolvendo as paradas e pego o que eu preciso. Aqueles grupos que eu frequentava, NA, AA, essas coisas, eu não frequento mais porque eu bebo. E lá tem que ser zerado. Eu nem ando mais com o pessoal que eu andava na época. E eu consegui. Tô bem conseguindo, porque o bagulho é incurável, é pro resto da vida. O organismo registra a sensação boa".

"Minha mãe já me botou pra fora de casa quando eu voltei da internação. Fiquei seis meses internado, voltei e comecei a mexer de novo, daí ela disse que eu não podia entrar em casa. Foi quando eu fui morar sozinho", contou Diego sobre sua recaída.

"Eu já fiquei levando a mensagem como eles dizem, que são aquelas pessoas que vão nas clínicas dar seus depoimentos. Eu parei de ir porque eu bebo. Fiz terapia vários anos, fui internado umas quatro vezes. Mas, o bagulho é louco. A família sofre pra caramba. O cara também sofre. Eu venho conseguindo. Tá dando certo pra mim assim, então eu vou continuar. Até hoje na minha família tem gente que me olha torto. Até minha mãe mesmo, minhas irmãs ficam com pé atrás, mas acreditam né. A única pessoa que acredita em mim mesmo é minha mãe", afirmou o brother.

Acompanhe as principais notícias do BBB14 no iG

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.