Brother foi o segundo a sair da casa do “BBB 14”, com 40% dos votos; em coletiva, ele reclamou da superlotação da casa


"Eu confundia os nomes! Às vezes, eu tinha que olhar no microfone, que tem o nome de cada um, para me lembrar e não passar vergonha". A declaração é de Alisson , o segundo eliminado da casa do "Big Brother Brasil 14". O professor de Minas Gerais deixou o jogo com 40% dos votos na noite de domingo (19), e comentou, em coletiva no Projac, que a quantidade de pessoas na atual edição pode ter atrapalhado o público e o seu caminho no programa.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

"Eu acho que foi azar. A gente está muito no começo do programa e não deu tempo de as pessoas conhecerem quem é quem... Daí, o povo deve ir mais pelo rostinho bonito e tal... Não que eu não tenha, né, gente (risos)? Mas talvez os critérios nesse início de programa sejam outros. E também, com tanta gente, nao sei o que foi exibido. Não sei nem como a edição dá conta de apresentar 20 pessoas", falou.

BBB14: eliminação Alisson
Nina Ramos/iG
BBB14: eliminação Alisson

Alisson já havia tentado entrar no “BBB 13”, quando chegou até o processo de seleção. Este ano, com a aprovação completa, ele finalmente conheceu o outro lado da casa do reality show, mas apenas por seis dias. “Não é muito bacana você sair logo no começo do jogo, mas a estrutura do programa mesmo, pelo que eu percebi lá dentro, já estava um pouco alterada com essas eliminações em massa. Faz parte do programa. Eu sabia que isso aconteceria mais cedo ou mais tarde”, falou, com voz e aparência tranquilas.

Dentro da casa, Alisson descartou a hipótese de rejeição por qualquer motivo. “É mais a questão de sentir a realidade que tem alguém te olhando até quando você está dormindo. Isso gera um estranhamento, mas rejeição em hipótese alguma. Lá foi muito tranquilo com todo mundo”, afirmou.

“Se tivessem 16 participantes, eu teria tido mais tempo de programa no ar para as pessoas me conhecerem mais e criarem certos vínculos comigo. Olha o exemplo do João também. Ele é incrível, mas como conhecer uma pessoa em três dias? Isso foi o mais complicado nessa edição”, palpitou.

Como chama, gente?

Agora que está no lado de fora, Alisson pode analisar o jogo e estratégias à vontade. Quando foi listar os candidatos que devem chegar à final do programa, a amnésia tomou conta. “É muita gente, gente”, brincou. “O Júnior é muito político, ele tem uma postura muito forte. Ele e o... Como chama, gente? Aquele de barba, que fica dançando... Vagner! Ele e o Junior têm posturas muito politicamente corretas, o que talvez não seja inerente deles. Talvez eles estejam agindo assim como uma forma de se defender. Talvez se eu tivesse feito isso eu estaria lá ainda, né?”, questionou.

Alisson pode não se lembrar de primeira do nome de Vagner, mas já tem marra no candidato. “Ele já está começando a perder aquela pose de bom samaritano, de quem faz comida, lava vasilha, ó como sou bom. Isso em breve ele vai ver que... Bom, de qualquer forma, ele está lá ainda, né? Deve funcionar de certa forma”, pontou o eliminado.

A torcida de Alisson, agora, vai para Aline. “Tem muita gente ali muito bacana. Eu torceria para a Aline, que me deu muita força lá dentro. Antes de vir para o Projac, a gente se encontrou para fazer uma chamada para o ‘Encontro’, da Fátima Bernardes, e eu bati o olho nela e já me identifiquei”, relembrou.

Ativista homossexual

Assim que foi anunciado como um dos brothers da 14º edição, Alisson teve a vira revirada pelos sites de notícia, que encontraram um artigo que o professou postou sobre o beijo gay. O assunto entrou em pauta com o beijo entre Clara e Vanessa na noite de sábado (18). “Eu não vi esse beijo, só fiquei sabendo disso agora quase de noite. Escrevi um artigo sobre o comentário do ‘CQC’ sobre aquele caso do jogador Emerson Sheik, mas não sou uma pessoa engajada na causa. Foi uma pauta que eu recebi e produzi, mas eu acho que qualquer minoria, seja gay, negra, o que for, tem que ter seus direitos assegurados sem a menor sombra de dúvidas. Eu não sei como o assunto (beijo entre Clara e Vanessa) repercutiu aqui, mas se esse assunto saiu da margem, que ótimo. Que tenham outros beijos, edredom e etc”, brincou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.