Após sua segunda participação no Big Brother Brasil, ele foi eliminado em votação recorde da 13ª edição com 45,68% de rejeição

Visivelmente atordoado após a eliminação no quarto paredão do Big Brother Brasil 13, Yuri conversou com os jornalistas ainda procurando os motivos que o levaram a deixar o programa pela segunda vez – ele havia participado do reality show na 12ª edição.

Com 45,68% dos votos, o goiano encarou um paredão triplo com Fani – que recebeu 9,76% - e Marcello – com 44,57%. Até o momento esta foi a eliminação que contou com a maior participação do público, arrebanhando mais de 36 milhões de votos.

Acompanhe tudo o que acontece no BBB13

“Eu não estava esperando. Fiquei atordoado e ainda estou“, disse ele, durante a coletiva de imprensa que sucedeu o programa. Apesar de ter feito planos de como agir ao ter uma segunda chance de participar do reality, Yuri confessa que sua estratégia acabou não acontecendo exatamente como imaginava. Especialmente com relação ao envolvimento amoroso com Natália .

“Nem sempre acabamos fazendo tudo que pensamos, mas não me arrependo nem um pouco“, afirmou Yuri, que havia dito no inicio do programa que não pretendia manter um envolvimento amoroso com uma mulher dentro da casa.

“Não fui o bad boy da história“

Sobre o que teria sido um fator determinante para deixar o BBB ele disse que ainda iria descobrir. “Ainda estou tentando entender e assimilar isso. Porque não foi o mesmo jogo que eu fiz. No outro eu comecei combinando voto, sendo o bad boy da história. Nessa eu cheguei e o bonde já estava andando. Cheguei brincando e curtindo, botando para ferver. Não entendi“, pontuou.

O goiano declarou que não se intimidou ao receber o convite do programa para participar novamente do reality. “Fiquei felizão. Ser convidado para entrar de novo no Big Brother não me assustou em nenhum momento. O que me assustou agora foi sair da casa“, insistiu.

Enquanto tentava juntar as peças, Yuri considerou que talvez Pedro Bial tenha lhe dado uma dica no texto de eliminação. “Acho que pode ter sido alguma frase que eu falei. Se ele falou... O Bial é um cara que entende desse programa. Ele já faz há 13 anos. De repente isso atrapalhou, mas o difícil é pensar que vou perder, que não vou ganhar“, argumentou, se referindo ao fato de ter dito na casa que seria o campeão.

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe as notícias dos famosos

Com a eliminação de Yuri quem ganha a torcida do goiano é Anamara . “Ela deve ter ficado meio triste porque também não esperava“. Questionado porque Natália não é a dona de sua preferência ponderou. “A Natália era uma pessoa que eu estava tendo um relacionamento, tudo ótimo, mas a Anamara e eu já tínhamos isso em mente de que se não for você sou eu, se não for eu será você. Estávamos com essa afinidade de irmão. Até me surpreendeu, eu não achei que fosse ter essa afinidade toda por a gente já se conhecer daqui de fora no Réveillon“ afirmou ele que garante nunca ter ficado com Anamara.

Sem combinação de votos

Apesar de viver entre tapas e beijos com a gaúcha, Yuri evitou comparações entre o relacionamento que teve com Laisa e o namoro com Natália. “Acho que não tem nada a ver. Com a Laisa começamos a ficar no segundo dia, passou uma semana parecia que a gente já estava casando, na terceira semana ela já estava me tratando mal e tudo mais. A Natália a gente estava brincando de discutir e feliz o tempo todo“, disse.

Como estratégia Yuri confirmou ter evitado combinar votos. “Pensei: Nem vou comentar meus votos, nem vou combinar e nem quero saber dos votos dos outros também. Isso eu pensei“, explicou. Mesmo mantendo um padrão ele disse que se surpreendeu com o jogo em diversos momentos. “Lógico que tinham algumas coisas técnicas da casa que, por eu ser o mais recente, já sabia o que ia acontecer. Por exemplo, quando um pega um colar e coloca no pescoço do outro. O Eli quase chorou por causa disso, mas eu sabia que ninguém ia morrer por causa de uma corda no pescoço. Mas me assustei com outras coisinhas. O jogo mudou bastante. Esse paredão igual ao da Anamara em que ela ficou 24 horas aqui e até o modo de nos acordar também mudou“, pontuou.

Yuri também garantiu não guardar rancor dos ex-colegas de confinamento. “Eu até brinquei que a Kamilla deveria estar no The Voice Brasil, mas não tem nada a ver uma coisa com a outra“, esclareceu.

Ao tomar conhecimento que Dhomini apostava nele como o grande jogador da casa após sua saída, Yuri admitiu não entender o ritmo do jogo. “Depois dessa saída minha eu fiquei achando até que o Marcelo é um grande jogador, mas acho que a Anamara vai ganhar. Acho ela forte. Mas quando a gente sai não tem noção de nada mesmo... “, disse.

Ele também minimizou o episódio em que disse que a cama onde Kamilla dormiu estava contaminada com DSTs (doenças sexualmente transmissíveis). “Foi mais uma brincadeira como qualquer outra“, falou.

Sobre ter mostrado o órgão genital para Natália durante o programa, tentou despistar, mas acabou confirmando que os encontros embaixo do edredom eram quentes. “Não lembro disso, mas acho que quase todo dia eu acordava animado e isso acontece“, afirmou ele, que pretende cumprir com a promessa de esperar por Natália fora do programa.

Ao ouvir que Laisa declarou em uma entrevista que tudo que Yuri falava para Natália ele já havia dito para a morena, respondeu aos risos. “É ciúmes“.

.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.