Conversa entre amigos da atriz e a polícia americana é divulgada e revela que Demi teria fumado "algo como maconha"

Demi Moore
Getty Images
Demi Moore
  Foi divulgada a chamada ao 911, emergência americana, momentos antes de Demi Moore ser levada para um hospital de Los Angeles, onde ela foi internada por inalação de óxido nitroso ou gás hilariante.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

Ao telefone, a amiga da atriz diz que ela fumou alguma coisa parecida com maconha, estava semiconsciente e tendo convulsões. O policial então pergunta se ela pode falar e a mulher então diz que Demi estava apertando sua mão, mas não conseguia falar.

LEIA MAIS: Ashton Kutcher volta para Los Angeles para ajudar Demi Moore

“Não dê nada para ela comer, beber, tente colocá-la de lado e não a segure”, orienta o policial. Ao final da ligação, os amigos já estão bem mais calmos e dizem que ela respira normalmente e não está tendo mais convulsões. Depois que ela foi levada às pressas para o hospital, Demi permaneceu internada para tratamento de abuso de substâncias químicas.

Escute ao áudio abaixo:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.