Público de Teresina critica Marauê Carneiro e Assembleia Legislativa condena declaração

Kayky Brito, Marco Antonio Gimenez e Marauê Carneiro, à direita
Divulgação
Kayky Brito, Marco Antonio Gimenez e Marauê Carneiro, à direita
"É o pior dia da minha vida", disse Marauê Carneiro aos colegas de elenco, enquanto os abraçava e se despedia da turma.

O ator antecipou seu retorno a São Paulo nesta sexta-feira (25) após o cancelamento da peça "Fica Frio", que também conta com Kayky Brito no elenco, pela Assembleia Legislativa do Piauí. O restante dos atores deixará a cidade ainda nesta sexta-feira (25).

Na quinta-feira (24), Marauê publicou em seu mural do Facebook a frase: “Estamos em Teresina do Piauí, se é q o mundo tem c..., o c... do mundo é aqui". O comentário se espalhou pela internet e causou descontentamento entre os piauienses.

O episódio rapidamente se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter: "Fora, Marauê", dizem muitos internautas. O resultado disso foi o cancelamento da apresentação pelo deputado estadual Fábio Novo , do PT.

Frase polêmica de Marauê publicada em seu Facebook
Reprodução Facebook
Frase polêmica de Marauê publicada em seu Facebook

"Foi uma infelicidade muito grande, não tem mais como pedir desculpas", contou ao iG Gente por telefone Germano Pereira , que interpretava Adamo em "Passione" e também está na peça. Segundo o ator, Marauê e todo elenco participaram de uma coletiva com a imprensa local no início da tarde, pedindo desculpas pelo ocorrido.

Germano acrescenta que a decisão de cancelar a apresentação foi equivocada. "Seria correto deixar o espetáculo acontecer. O público deveria decidir se iria assistir ou não", finalizou.

O diretor de teatro piauiense, Arimatan Martins , do Grupo Harém, critica a decisão da Assembléia: "Eles erraram tanto quanto o Marauê", disse ele. "O público quer assistir à peça. O cancelamento foi uma censura e é ruim para a cultura local", completou.

A frase de Marauê era uma brincadeira com um famoso verso do humorista Juca Chaves que diz: "Teresina, Teresina, capital do Piauí. Se o mundo tem um c..., o c... do mundo é aqui.". Depois da confusão, Marauê apagou o comentário de seu perfil no Facebook.

As apresentações da peça aconteceriam nesta sexta e sábado, 25 e 26, no Cine Teatro da Assembleia. "Chegamos na cidade na terça-feira e já vivemos coisas maravilhosas aqui. O povo é muito carinhoso e estávamos ansiosos para subir ao palco", lamentou Germano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.