Segundo informou a secretária pessoal, o ator morreu de causas naturais

Cliff Robertson
Reprodução
Cliff Robertson
Cliff Robertson morreu nesse sábado (10), no Stony Brook University Medical Center on Long Island, Long Island , nos Estados Unidos. Evelyn Christel, secretária pessoal do ator norte-americano – que tinha completado 88 anos na última sexta-feira (9) –, revelou que ele morreu de causas naturais, segundo informações da Revista People.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

Em 1968, ganhou o Oscar na categoria de melhor ator por sua atuação em “Os Dois Mundos de Charly”, ou apenas “Charly”, no título original em inglês. Ele deu vida a um deficiente mental que se submete a um tratamento médico que o transforma em um gênio.

Recentemente, ele participou do filme “Homem-Aranha”, no qual interpretou o Ben Parker, tio de Peter Parker, o protagonista. Em pouco mais de 50 anos de carreira no cinema, Cliff também se destacou ao atuar o ex-presidente norte-americano John F. Kennedy no longa "PT-109".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.