Colegas em "Evita", ator espanhol foi apresentado à cantora pelo diretor Pedro Almodóvar

Madonna e Antonio Banderas em 1991
AP
Madonna e Antonio Banderas em 1991

O ator espanhol Antonio Banderas afirmou em entrevista à revista "Harper's Bazaar" que "para bem ou para mal" não quis ser "o garoto da Madonna" quando a cantora se interessou por ele nos anos 1990, adiantou a publicação nessa segunda-feira (8).

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

O espanhol se lançou à fama internacional após a artista dizer que "estava louca" por ele e de ter declarado estar ansiosa para conhecê-lo no documentário "Na Cama Com Madonna" (1991). Atualmente, Banderas se lembra da situação como carinho embora reconheça que se sentiu pressionado.

"Eu tinha medo disso na época, porque ela era uma mulher muito poderosa. Eu não queria ser o garoto da Madonna. Para o bem ou para o mal, eu queria ter a minha própria carreira", declarou o ator de "A Balada do Pistoleiro" (1995).

Banderas estava casado com sua primeira mulher ( Ana Leza ) quando em um jantar em Madri, organizado pelo cineasta Pedro Almodóvar , foi apresentado à Madonna, sendo assim, nada poderia acontecer entre eles.

"Eu não sabia falar inglês na época", disse Banderas, que pouco depois ficou famoso em Hollywood, onde conheceu sua atual esposa, a atriz Melanie Griffith . Em 1996, Banderas estreou "Evita", um musical no qual Madonna interpretou Evita Perón.

Antonio Banderas com a atual esposa Melanie Griffith
Getty Images
Antonio Banderas com a atual esposa Melanie Griffith

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.