Embaixadora da boa vontade da ONU, a atriz passou dois dias no país

Angelina Jolie ao dar materiais escolares para os alunos da vila Qala Gudar, no Afeganistão
AP
Angelina Jolie ao dar materiais escolares para os alunos da vila Qala Gudar, no Afeganistão
A estrela de Hollywood Angelina Jolie fez uma visita surpresa de dois dias a refugiados no Afeganistão, a segunda dela ao país, informou a agência das Nações Unidas para Refugiados (Acnur) esta quarta-feira (02). A atriz americana, famosa por filmes como "Sr. & Sra. Smith", é embaixadora da boa vontade da Acnur e passou dois dias em encontros com refugiados, depois de pedir que sejam tomadas medidas para reintegrar antigos exilados à sociedade afegã.

Angelina Jolie se encontra com anciões na vila de Qala District, no Afeganistão, onde vai fundar uma escola para meninas
AP
Angelina Jolie se encontra com anciões na vila de Qala District, no Afeganistão, onde vai fundar uma escola para meninas
Segundo a ONU, 5,5 milhões de pessoas voltaram ao Afeganistão desde 2002, um ano depois da derrocada do regime talibã na invasão ao país comandada pelos Estados Unidos. A maioria fugiu para o Paquistão e o Irã e seu retorno aumentou em 20% a população do país, acrescentou a fonte.

Cento e quarenta mil soldados da coalizão internacional da Otan combatem a insurgência liderada pelos talibãs no país. "O foco precisa estar agora na reintegração e isto não significa apenas conseguir abrigos, mas assegurar que haja água, oportunidades de emprego, escolas para as crianças e clínicas médicas", disse Jolie em um comunicado publicado pelo Acnur ao final da visita.

A estrela, que é casada com o também ator americano Brad Pitt, é conhecida por seu trabalho humanitário. Ela chegou ao Afeganistão na segunda-feira (07)
AP
A estrela, que é casada com o também ator americano Brad Pitt, é conhecida por seu trabalho humanitário. Ela chegou ao Afeganistão na segunda-feira (07)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.