“Nós somos pioneiras nas nossas profissões. Podem surgir outras Valescas e Brunas, mas a gente vai ser lembrada”, disse Raquel

“Três meses de Fazenda dá pra escrever um livro”, comentou Valesca com Raquel . Elas são as únicas peoas a aproveitarem a tarde de sol, que aos poucos foi se transformando em garoa. “Eu tinha a missão de ficar até a final do programa, mesmo sem saber quem será a vencedora”, completou a funkeira que a todo instante lembrava-se da família, em especial do filho. “Ele me ama de verdade”. “Eu vou sentir falta de muita coisa aqui, mas das pessoas serão apenas algumas”, falou a ex-garota de programa.

Confira a cobertura completa de “A Fazenda 4” no iG

Raquel e Valesca conversam sobre vários assuntos
Reprodução
Raquel e Valesca conversam sobre vários assuntos

Entre em vários assuntos Raquel lembrou que em 2009 quase havia engravido. “Se eu tivesse um filho pequeno, talvez eu não estivesse aqui hoje. Por isso que eu acho que algumas coisas acontecem quando tem que acontecer”, comentou a confinada que após o reality já pensa em ter filhos. “Foi aqui dentro que eu comecei a pensar mais, e ter mais vontade em ter um filho”, falou Raquel.

Conversando sobre profissão, Valesca disse que não pretende ficar a vida inteira em cima do palco. “Eu tenho medo de não servir mais... E eu sempre tive o sonho de ser empresária dentro da minha área mesmo, sabe?! E eu nunca programei a minha vida e deixei as coisas acontecerem sem me preocupar. E eu sei que sou substituível”, finalizou a funkeira.

“Nós somos pioneiras nas nossas profissões. Podem surgir outras Valescas e Brunas, mas a gente sempre vai ser lembrada”, completou Raquel que acredita que talvez não terá mais fãs. “As pessoas acham que a gente é uma coisa que não somos”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.