Ex-apresentadora ganha um carro zero km

Titia garante a medalha de prata
Reprodução
Titia garante a medalha de prata
O número dois marcou a participação de Monique Evans na quarta edição da Fazenda. Em sua segunda passagem pelo programa a peoa chegou longe, mas acabou com o segundo lugar e sem os sonhados R$ 2 milhões. Com 48% Joana Machado foi a grande campeã do reality rural, na madrugada desta quinta-feira (13).

“Vocês são mulheres, não só lindas, mas também de personalidade e merecem muito elogio. Vocês duas estão muito perto da vitória. Vocês viveram uma experiência mais do que incrível, e isso acontece com todos. A Monique é uma mulher que já viveu muito, desabafou, chorou e mostrou sensibilidade. Joana, por sua vez, mostrou que é mais explosiva. Você mostrou que tem personalidade forte, mas mostrou também seu lado feminino. Por isso vocês duas estão na grande final”, disse o apresentador. 

Segunda Chance

Monique, que já havia participado da terceira edição do reality rural, tinha tudo para se dar bem no reality, pois já conhecia as regras do jogo. O público resolveu apostar na titia e a escolheu, entre Ana Paula Oliveira e Franciely Freduzeski , para entrar novamente no jogo e brigar pelo prêmio de R$ 2 milhões.

Na Mira

Ao longo do jogo, Monique não teve trégua. A peoa também acumulou experiência quando o assunto foi Roça. Foram seis ao total. Na primeira vez, ela disputou com Rachel Pacheco e François. Depois voltou para a Casa da Roça com Dani Bolina e Thiago Gagliasso. Em sua terceira berlinda, Monique lutou pela permanência com Gui Pádua e Joana. Na sua quarta Roça, a peoa ficou surpresa ao voltar para sede e eliminar Dinei, favorito ao título na visão da peoa. Mais forte no jogo a titia encarou sua quinta berlinda e despachou o “forte” jogador Marlon. Por último foi a vez de retornar para sede e ver Valesca Popozuda levar a pior.

Gênio difícil

Não é segredo para ninguém que Monique era explosiva e falava tudo o que pensava
na sede da fazenda. A “titia”, como foi apelidada carinhosamente pelos companheiros, arrumou todas as confusões possíveis.

Sua entrada na casa desestabilizou os demais participantes do programa e a loira conseguiu até ser chamada de desequilibrada por um dos colegas e idosa e de louca por outros.

Gui Pádua não soube lidar com ela. Desde os primeiros dias já dizia que sua voz era irritante e arrumou várias brigas com a loira. Em um dos conflitos o paraquedista chegou a dizer que a apresentadora era vagabunda . Monique também não poupou ofensas ao peão que apelidou de ‘duende verde’.Criticou desde as suas tatuagens como a maneira com que se comporta no jogo. Na maioria das vezes eles faziam as pazes .

João Kleber também não escapou dos surtos da amiga de longa data, que discutiu com o apresentador diversas vezes.

Nem mesmo as brigas do passado ficaram para trás. Monique chegou até a relembrar a discussão com Dudu Pelizzari na terceira edição do programa.

Bom humor

A passagem de Monique pela quarta edição do reality “A Fazenda” não será lembrada apenas pelas brigas e discussões. Bem humorada, a apresentadora também divertiu muito os peões dentro da casa. Até selinho em Raquel Pacheco rolou.

Com um jeito irreverente e a pauta sempre voltada para assuntos relacionados a sexo , a loira esquentou os ânimos dos peões que chegaram a fazer elogios à sua trajetória e corpo. Ousada, se aproveitou dos corpinhos dos meninos como pode. Apalpou o bumbum de Dinei e mordiscou o de Thiago.

E não era segredo para ninguém que a “titia” era desbocada. Sua estada na casa foi regada a palavrões e esculhambações a torto e a direito. Bastava não gostar de algo que lá vinha uma chuva de palavrões.

Ao mesmo tempo, os peões da casa puderam conhecer detalhes da vida pessoal de Monique. Ela falou algumas vezes sobre seu relacionamento com o músico Lobão e de problemas que teve como depressão . Não só contou os dilemas como falou da fase na TV no programa do Chacrinha e da Hebe.

Vaidade comprovada

Embora seja chamada de “titia”, Monique provou que não é nenhuma baranga. Durante toda sua estada no reality, a loira cuidou rigorosamente dos cabelos. A chapinha foi sua amiga inseparável e nem mesmo o confinamento a impediu de retocar as madeixas loiras. O talquinho em lugares íntimos no corpo
também foi uma marca registrada da peoa no programa.

Religião

A fé também foi companheira de Monique durante a passagem pelo jogo. Ela chegou a revelar que gostava de estudar a Bíblia . A apresentadora também fez orações na casa e chegou até a assustar um dos participantes.

Monique teve sua segunda chance, não foi conseguiu levar para casa o sonhado prêmio de R$ 2 milhões.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.