Eliminado da semana participou do "Hoje em Dia" nesta sexta-feira (16)

Considerado o vilão da quarta edição, Gui foi convidado do programa "Hoje em Dia" nesta sexta-feira (16) após ser eliminado com 72% dos votos . "Eu pensei assim: 'vou dar minha cara a tapa e assim fui até o final'. Ali dentro está todo mundo jogando para ganhar R$ 2 milhões. Eu nunca escondi isso de ninguém, não tive medo de me voltar contra o grupo para fazer isso", afirmou ele, referindo-se ao fato de ser "jogador".

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

Durante a entrevista, ele mostrou-se tranquilo, convicto de suas atitudes. Durante a entrevista, ele reproduziu por algumas vezes uma frase que Monique Evans citou quando eles estavam confinados, a famosa "Ali dentro, a língua é uma arma".

Ao ser questionado se era bipolar, Gui comparou a frieza no comportamento com seus colegas de confinamento com o paraquedismo, esporte que pratica há 21 anos. "Eu trouxe esta experiência para dentro de casa. Não tenho medo de ser com Dinei , com a Joana , seja quem for", acrescentou. Sobre os amigos fora da casa, ele disse que gostaria de reencontrar Marlon . "Tenho certeza absoluta que a gente vai se ver quando ele sair", garantiu.

Gui Pádua no
Reprodução
Gui Pádua no "Hoje em Dia"

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.