Segundo a assessoria de imprensa do ator, ele morreu em decorrência de complicações após uma queda. Não há informações sobre o velório

O ator Elias Gleizer morreu, aos 81 anos, na manhã deste sábado (16), no Hospital Copa D'Or. Ele estava internado após sofrer uma queda. A causa da morte foi falência circulatória em decorrência do trauma.

De acordo com a assessoria de imprensa do artista, Gleizer estava indo ao dentista quando caiu, quebrando algumas costelas e perfurando o pulmão. Enquanto tratava as fraturas, o ator teve pneumonia e infecção hospitalar, mas quando morreu já estava fora da UTI.

O ator Bruno Gagliasso lamentou o falecimento em seu Instagram. "Meu avô querido... Chegou a hora de descansar", escreveu o ator, que interpretou o neto de Gleizer em "Caminho das Índias".

Meu avô querido..... Chegou a hora de descansar! 🌹

A photo posted by Bruno Gagliasso (@brunogagliasso) on

Filhos de judeus poloneses que vieram ao Brasil fugindo da perseguição, Elias Gleizer nasceu em São Paulo, em 1934. Batizado originalmente como Ilicz, ele mudou o primeiro nome por ser muito difícil.

Sua carreira artística começou aos 12 anos, quando ele entrou como violinista em uma orquestra juvenil. Sua estreia na TV aconteceu em 1959, na TV Tupi. Ao todo, o ator participou de 50 produções televisivas. Seu último trabalho foi "Boogie Oogie", do ano passado.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.