Vencedora do "MasterChef Brasil", Elisa Fernandes assinou contrato para campanhas publicitárias enquanto não viaja para a França para começar seu curso na Le Cordon Bleu

Elisa Fernandes , vencedora do "MasterChef" exibido pela TV Bandeirantes, tem aproveitado muito bem os frutos de participar de um reality de sucesso. De volta das merecidas férias na Bahia, conversou com o iG sobre o assédio que passou a receber, a pressão do programa e o que planeja para sua vida a partir de agora.

Após a visibilidade que ganhou no programa, as redes sociais de Elisa bombaram. Com mais de 33 mil seguidores no Facebook e 82 mil no Instagram, ela diz que precisou abandonar o primeiro: "Já era meu Facebook, nem carrega as mensagens direito. Mas é bom, ninguém veio me falar coisa ruim."

E ela sabe que sua beleza também chama bastante atenção: "Se é respeitoso, é sempre legal ouvir elogios, fico muito feliz."

Curta a fanpage do iG gente no facebook e receba as notícias dos famosos.

Elisa afirma com orgulho que mantém contato com todos os participantes da atração e diz que só fez amigos, sem qualquer briga. Ela relembra a rotina de gravações e diz ser mais puxada do que parece pela televisão.

Elisa Fernandes em foto publicada em seu perfil no Instagram
Reprodução
Elisa Fernandes em foto publicada em seu perfil no Instagram

"É uma rotina pesada, todo dia ouvindo que você poderia ter feito melhor. Eu acordava de manhã e pensava ‘Jura por Deus que vou acordar hoje para ficarem me julgando o dia inteiro?'".

Assim que venceu o programa, uma avalanche de comentários nas redes sociais acusava a Band de ter manipulado a escolha de Elisa por ela ser mais nova e ter mais chances na carreira do que Helena, 44 anos, sua concorrente direta. Ela, no entanto, conta que não tomou conhecimento dessas críticas, mas se posicionou: "É muito fácil a galera falar o que pensa, sendo que nem entende o reality."

Com a vitória no programa, Elisa garantiu uma bolsa de estudos na famosa escola Le Cordon Bleu, em Paris, e planeja viajar para lá ainda esse semestre. Agora, está focada em um curso de francês para se especializar na língua e fazer um estágio enquanto estuda.

Enquanto se prepara, vai ganhar dinheiro no Brasil. Elisa vai aparecer em breve como garota-propaganda. "Vou fazer algumas campanhas, não acho nenhum problema explorar a minha imagem para a publicidade, estar em revistas. Mas não é meu foco, vou fazer isso porque gosto da marca e para manter a minha imagem de uma forma mais duradoura."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.