Em entrevista ao iG, César Filho fala sobre sua nova fase profissional na Record: "entrei vestindo a camisa da emissora"


César Filho deixou o SBT e acaba de assinar contrato com a TV Record, onde deve apresentar um reality show no ano que vem, além de participar de outros projetos da emissora. Em entrevista ao iG , o apresentador falou sobre a dificuldade de tomar a decisão, a alegria por estar se renovando e seu ótimo relacionamento com Silvio Santos , que o incentivou na nova empreitada.

César Filho
Divulgação
César Filho

Ainda sem um projeto específico na casa nova - ele deve começar a trabalhar para valer em 2015 - , César diz que optou por deixar o SBT mais cedo para poder descansar. “Ainda não estou me preparando porque os projetos são para o ano que vem. Mas, de toda forma, estava precisando descansar. Até tinha férias programadas, mas como não vou ter férias na casa nova, estou descansando. Estou aproveitando para dormir (risos). Acordava todos os dias às 3h para trabalhar... E também estou relaxando com a família, curtindo minha família, o que é muito bom".

Nos quase dez anos que passou no SBT, o apresentador acredita que os dois últimos anos, quando esteve no comando do “Notícias da Manhã”, foram muito especiais. “Começamos com um programa que tinha meia hora e passamos para três horas no ar. Foi uma experiência de transformar a maneira de fazer jornalismo. Misturei a bagagem que eu trazia da minha época no rádio com o jornalismo e deu certo. O público aceitou e gostou. Também fui acrescentando mais entretenimento, e dando a minha cara e personalidade ao programa. Isso faz estes dois anos muito marcantes para mim.”

Mas ele também cita o período em que apresentou o "SBT Repórter". “Foi supermarcante. Se eu não me engano, fui a pessoa que ficou mais tempo no ar apresentando o programa. O SBT é uma casa espetacular, foi muito bom trabalhar lá.”

E é justamente por ter gostado tanto de trabalhar lá que, a saída, segundo ele, foi muito difícil. "Fiz grandes amigos. Tenho muito carinho pela parte técnica, os câmeras, os diretores, os autores. Não são apenas colegas de vídeo. Foram amigos que eu fiz. E todos moram no meu coração”.

"Nossa relação sempre foi muito especial. Conheci o Silvio antes de entrar no SBT, na década de 1980, quando ele me convidou para ficar em seu lugar para sair em campanha eleitoral (para presidente). Então, já era superpróximo dele. Quando fui para o SBT continuamos da mesma maneira. Não éramos íntimos, mas sempre nos encontrávamos para trocar ideias sobre televisão, eu dava ideias para ele. Isso também fez com que minha saída fosse difícil. Pelo nosso relacionamento e pela gratidão que eu tenho por ele".

Silvio Santos me desejou sucesso e falou: ‘Vai tranquilo’"

Mas César garante que Silvio entendeu e aprovou sua decisão. “Nos encontramos nos bastidores do Teleton, nos abraçamos, e ele me incentivou na minha escolha. Me desejou sucesso e falou: ‘Vai tranquilo’. Ele foi maravilhoso para mim. Aliás, ele e toda a família: Silvia , Daniela , Patrícia Abravanel . Até coloquei uma foto deles no meu Instagram.”

Declaradamente apaixonado pelo trabalho, ele encara a nova fase como uma oportunidade de renovação em todos os sentidos de sua vida. “É bom saber que tem outra emissora querendo ter você. Trabalhar em novos projetos. É uma renovação bacana para tudo. Sou apaixonado pela minha profissão. Faço com muito amor e acho que acabo passando isso para as pessoas. Não importa o horário, nem a emissora. É claro que entrei na Record vestindo a camisa da emissora. E tenho certeza que tudo vai dar certo e vai ser um sucesso”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.