A época do lançamento da revista foi um dos motivos que prejudicaram as vendas


Vencedora do Big Brother Brasil deste ano, Vanessa Mesquita pode acrescentar ao seu currículo mais um dado: a edição da Playboy da qual foi capa, teve o menor número de exemplares vendidos na história da revista.

Em conversa com a assessoria de imprensa da revista, que não fala em números absolutos, o mês de julho, quando a Playboy de Vanessa chegou às bancas, apresentou uma queda no número de assinantes. Além disso, por conta da Copa do Mundo, a editora Abril tinha acabado de fazer uma série de promoções, outro motivo que contribuiu para que a edição da ex-big brother não tenha sido um sucesso de venda.

De qualquer maneira, comparando os números da venda da edição de Vanessa neste ano, ela não foi um completo frcasso. De acordo com a assessoria teve um bom desempenho, sem contar o número de assinantes. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.