Sertanejo falou sobre sua recuperação ao “Fantástico” e anunciou retorno aos palcos em novembro


Após sete meses em uma clínica de reabilitação, o sertanejo Hudson voltou para casa. Em uma matéria para o “Fantástico”, o cantor, dupla do irmão, Edson , falou sobre o período de internação e contou como chegou até lá. “Eu via o diabo todo dia dentro de uma garrafa. Todo dia, eu trocava um almoço, meu café da manhã, por uma talagada de uísque. Aí, entrei nessa de cocaína. Acho que eu fui o primeiro artista no mundo sertanejo que botou a cara a tapa”, afirmou Hudson.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias nos famosos

O sertanejo ainda revelou que, durante o período de vício de álcool e bebida teve doze overdoses. “Fiquei entre a morte e a vida”, afirmou Hudson. Questionado sobre como conseguia se salvar das crises, ele revelou: “Na maioria das vezes, tinha gente perto, os amigos, tal”.

Hudson mostrou que o estado dele era realmente grave ao responder a pergunta da repórter sobre como ele acha que estaria caso não tivesse se internado. “Morto, com certeza. Porque foi através do tratamento, que eu descobri a lesão que eu tinha no fígado. Tive duas lesões no cérebro, uma do lado direito, uma do lado esquerdo”.

Um depoimento emocionado do pai de Hudson também fez parte da matéria. Foi Jerônimo Silva quem decidiu por manter o filho internado, mesmo após a liberação. “Logo que fui internado, fiquei chateado. Mas hoje sei que foi um ato de amor”, concluiu Hudson, que se sente 100% recuperado, mas disse ter medo da recaída. “Eu me sinto 100% recuperado. Sinceramente eu tenho medo de uma recaída. Não adianta eu ser hipócrita de falar que eu não tenho medo, porque eu tenho medo sim. Mas esse medo é bom, é esse medo é que vai me manter afastado”, declarou.

Hudson, agora, voltou para sua casa em Limeira, no interior de São Paulo, ao lado da noiva, Thayra Machado . E, com o irmão, o cantor voltará para os palcos para uma nova turnê da dupla Edson & Hudson em novembro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.