Batalha judicial começou este ano, após Luma demitir o irmão que trabalhou com ela por 27 anos. Ele pede indenização

Luma de Oliveira e o irmão Mem de Oliveira , que trabalhou como seu empresário por 27 anos, travam uma intensa batalha judicial. Após uma briga no início do ano, Luma abriu mão dos serviços de Mem e o entrave começou.

Ele pede indenização pelos anos de serviços prestados à irmã, que se recusa a pagar a quantia exigida e ainda pede que o irmão desocupe o apartamento onde mora no Rio de Janeiro, que está no nome dela.

Mem de Oliveira confirma os processos judiciais, mas diz não poder comentar nenhum deles pois, a pedido de Luma, as ações correm em segredo de Justiça.

De acordo com informações do jornal "Extra", o valor da indenização exibido por Mem é de R$ 3 milhões, enquanto a oferta de Luma gira em torno de R$ 350 mil mais uma quantia mensal de R$ 4 mil.

A briga entre os irmãos movimenta toda a família Oliveira. O jornal "Extra" teve acesso a um desabafo feito pelo filho de Mem em seu perfil no Facebook.  Shanon Oliveira afirma que tem uma pessoa muito ruim em sua família: "Nem a pior vilã da novela das oito é capaz de superar essa pessoa".

A atriz Isis de Oliveira , irmã de Mem e Luma, comentou o desabafo do sobrinho e se posicionou ao lado dele.

Isis de Oliveira
Reprodução/Facebook
Isis de Oliveira

"Ela pensa que porque tem dinheiro pode massacrar um ser humano digno, que aturou ela por 27 anos com toda sua maldade! Carneiro com pele de lobo! Seus amigos que estão dando força e isto é confortante não sabem quanto ela é do mal. Eu falo quase que abertamente porque acho que está na hora de caírem as máscaras. Tenho fé primeiro em Deus e na Justiça dos homens. Vi comentários de pessoas aqui da família tentando botar panos quentes, mas que já foram humilhadas. Como diz Wanessa Oliveira, Deus tem insônia. E por confiar nele, tenho certeza de que a Justiça será feita. Mem, eu estou com você para o que der e vier. Só, você não vai ficar. Ela sim ficará sozinha. Chega de tanta maldade", escreveu Isis.

A reportagem do iG tentou entrar em contato com os advogados de Luma, mas não teve retorno.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba notícias dos famosos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.