Chef anunciou que passaria férias nos Estados Unidos

AP

 Nigella Lawson é impedida de ir aos EUA
AP
Nigella Lawson é impedida de ir aos EUA

A famosa chef Nigella Lawson  foi proibida de embarcar em um voo que seguia de Londres para os Estados Unidos no último domingo (30), informou a embaixada norte-americana na capital londrina.

Nigella foi barrada e convidada a comparecer à embaixada dos EUA para pedir um visto de entrada no país. Cidadãos britânicos que viajam aos Estados Unidos precisam de vistos apenas para trabalhar e Nigella havia anunciado nas redes sociais que viajaria a lazer. A chef, porém, foi convidada a fazer uma participação no reality show culinário americano "The Taste" e estaria viajando para isso.

Autoridades americanas podem recusar passageiros por várias razões, inclusive uso de drogas. E Nigella admitiu durante audiência judicial no ano passado ter usado cocaína em algumas ocasiões. Ela é testemunha de um processo movido pelo ex-marido contra duas ex-funcionárias que teriam roubado o casal. As duas acusam Nigella de ser viciada em drogas, a chef nega.

Nigella não foi a primeira britânica a ser proibida de voar aos Estados Unidos. Em 2008, Amy Winehouse e Lily Allen também não puderam viajar ao país.

Veja fotos da suposta agressão do marido a Nigella Lawson, que culminou com a confissão de uso de cocaína pela chef:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.