Atriz participa de lançamento de marca de roupas, em São Paulo, e conta ainda que sua personagem Nicole, em “Amor à Vida”, continuará aparecendo como fantasma

Marina Ruy Barbosa causou tumulto na noite desta terça-feira (12), em um shopping de São Paulo, ao chegar para prestigiar o lançamento da linha de roupas da estilista Patrícia Bonaldi , dona da grife PatBo, para a marca C&A. A atriz foi logo rodeada por fãs e curiosos e precisou da ajuda dos seguranças para conseguir andar pela loja.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba notícias dos famosos

Com um visual comportado, como de costume, Marina garantiu em conversa com o iG   que é ela que escolhe suas roupas. “Gosto de usar peças que combinem com meu estilo, que eu ache que tenha a minha cara. Eu não gosto de me sentir fantasiada com uma roupa. Tem vezes que eu quero estar mais mulher e coloco uma coisa mais ousadinha, tem vezes que quero estar mais menina e coloco um vestido mais rodado. Eu gosto muito de peças curtas, mas decote eu quase nunca uso, é raro. Minha mãe opina, mas eu que escolho as minahs roupas”, contou.

Marina Ruy Barbosa vai a lançamento de marca de roupas, em São Paulo
Caio Duran / AgNews
Marina Ruy Barbosa vai a lançamento de marca de roupas, em São Paulo

Apesar do estilo discreto, a atriz revelou que já recebeu convites para ensaios sensuais. “Não é muito a minha cara, não tenho nenhum plano de fazer um ensaio mais sensual. Já tiveram convites, sim, mas não é meu foco. Por enquanto não penso mesmo nisso, estou focando na minha carreira. Ainda sou muito novinha”, declarou.

“Amor à Vida”

Ao contrário do que foi noticiado, Marina afirmou que sua personagem Nicole em “ Amor à Vida ” fará mais aparições na trama. “O que foi falado para mim é que ela continua, esse amor do Tales ( Ricardo Tozzi ) pela Nicole continua, então, ela ainda vai aparecer para ele. Só que eu não sei direito com que frequência e como vai ser”, explicou.

Mesmo assim, a atriz já tem trabalhos agendados para depois da novela. “Ano que vem terá coisa por aí, mas ainda não posso falar”, limitou-se a dizer.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.