Integrante do “CQC” fala das cobranças que o marido tem do público e se pensa em fazer novelas


Fã declarada de seu marido, Marcelo Adnet , Dani Calabresa não economizou elogios ao quadro que o comediante estreou no último domingo (04) no “Fantástico”, em que recria videoclipes antigos. “Achei incrível, quase chorei de emoção. Primeiro porque amo Ney Matogrosso, que ele imitou. Achei a letra muito bonita, com significado muito importante para a televisão aberta, a Globo deu bastante liberdade para ele falar sobre preconceito contra homossexuais. Ele está bem feliz”, disse ela, durante o lançamento da coleção de relógios Scuderia Ferrari da Vivara, na noite dessa quinta-feira (08), em São Paulo.

Dani Calabresa
AgNews
Dani Calabresa

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Dani comentou ainda sobre as críticas que Adnet recebeu ao ir para a Globo e acredita que é difícil para o público aceitar mudanças. “Eu passei pela mesma coisa quando entrei no ‘CQC’. Depois passa um tempo e as pessoas se identificam. Com o Adnet também, ele chegou à Globo fazendo o que ele sabe fazer, ele é engraçado, inteligente, comunicativo. As pessoas querem cobrar. Acho que é um período”, opinou.

Trabalhando em São Paulo e o marido no Rio, a comediante falou como tem sido a rotina deles com a distância. “Estamos nos roçando na ponte aérea (risos). Aí, sexta-feira a gente escolhe quem vai visitar quem, e a gente se agarra e passa o final de semana acoplado (risos). Depois a gente dá tchau e dá força um para o outro. Porque não é fácil. Quando você ama, quer ficar todo dia junto”, contou.

Novela?

Com o sucesso da ex-colega de emissora Tatá Werneck em “Amor à Vida”, Calabresa respondeu se toparia fazer uma novela, caso fosse chamada. “Sim, eu sou atriz. Mas não é uma prioridade, como comediante prefiro fazer um seriado, um filme de comédia, e de repente um papel cômico na novela. Para mim é mais fácil trabalhar como atriz do que fazer matéria de rua no ‘CQC’, que tem sido um desafio”, concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.