Apresentadora fala sobre entrevista do empresário em que ele diz que o casamento com ela foi ‘pouco relevante’. “Ele era só um publicitário, para mim pode ter sido irrelevante, para ele acho que não”, alfineta


Adriane Galisteu não gostou nem um pouco da declaração que Roberto Justus deu à revista “Alfa” deste mês. Na entrevista, o empresário diz que ficou amigo de suas quatro ex-mulheres, menos da apresentadora e que o casamento deles – que durou oito meses em 1999 - foi ‘pouco relevante’. “Foi deselegante o que ele falou. Acho que ele não estava em um dia bom, porque achei tão desnecessário. Ainda mais vindo dele, que é um cara que preza pela elegância e educação. Foi curioso!", disse Galisteu, em entrevista ao iG na estreia do espetáculo “Bibi Canta & Conta Piaf”, na noite dessa sexta-feira (19), em São Paulo.

Adriane Galisteu e o atual marido Alexandre Iodice
Foto Rio News
Adriane Galisteu e o atual marido Alexandre Iodice

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Ela garantiu que nunca chegou a se desentender com Justus, mas que, realmente, eles não são amigos. "A gente nunca brigou. Somos amigos socialmente. Podem até brigar comigo, mas eu não vou perder meu tempo para brigar com os outros", acrescentou. Galisteu aproveitou ainda para alfinetar o empresário. “Realmente foram só oito meses de casamento. Agora ele era só um publicitário, então, para mim pode ter sido irrelevante, para ele acho que não", disparou.

Volta aos palcos

Galisteu ficou muito mais à vontade ao falar de sua relação com Bibi Ferreira, a quem foi prestigiar no teatro. A apresentadora a considera fundamental em sua carreira como atriz e lembrou quando foi dirigida por ela na peça “Deus Lhe Pague”, em 1999. “A primeira pessoa que me colocou no palco, que acreditou em mim como atriz foi a Bibi. Eu tive a honra e o privilégio de ser ensaiada por ela durante 12 dias. Tive uma aula que acho que não existiria curso que me daria o que a Bibi me deu. Ela é muito generosa, é boa amiga, divertida. Essa mulher te faz rolar de rir, ela tem um espírito muito jovem. Dá um banho em um monte de garotinha", elogiou.

Longe dos palcos desde o ano passado, quando fez uma temporada de três meses com o espetáculo “Uma Mulher de Outro Mundo”, Galisteu não descartou a possibilidade de voltar a atuar. “Eu até estou lendo um texto. Quem sabe em breve eu estou no palco de novo”, revelou.

A apresentadora ainda não sabe seu futuro na Band. “Na próxima semana terei a última reunião lá. Vamos ficar na torcida”, contou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.