Recém-separado, o empresário e apresentador conta as novidades do programa “O Aprendiz – O Retorno”, e, apesar de tentar evitar, acaba falando um pouco sobre seu atual momento pessoal: "Viram algum sinal de que estou infeliz"?

Roberto Justus não quis comentar de sua vida pessoal durante a coletiva de imprensa sobre a oitava edição de “O Aprendiz”, realizada na manhã desta segunda-feira (1), na sede da Record, em São Paulo. Recém-separado de Ticiane Pinheiro , o empresário e apresentador logo cortou as perguntas a respeito do assunto. “Já falei tudo e o que tiver que ser falado mais pra frente, será falado”, alegou.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Apesar disso, Justus acabou deixando escapar algumas coisas sobre sua intimidade. Ele disse que, apesar do momento conturbado, está bem. “Vocês viram na coletiva algum sinal de que estou infeliz? Estou bem. As pessoas passam por fases na vida e eu sou um pouco calejado com essas coisas. Não é a primeira vez que estou passando por isso [separação], e a gente nunca sabe, nada é definitivo. Às vezes são fases na vida para vir algo melhor depois”, afirmou.

LEIA AINDA: Justus sobre separação: “Depois de oito anos, tivemos um pequeno desgaste”

O apresentador ainda afirmou que, apesar da fama de conquistador, sempre teve relações sérias e foi fiel. “Sempre fui um cara bacana para as minhas mulheres. Tem gente que fala ‘ah, o Roberto tem várias mulheres’. Várias não, sempre tive uma mulher, nunca várias ao mesmo tempo, como muitas pessoas fazem e não é legal.”

“O Aprendiz – O Retorno”

Se a vida pessoal de Roberto Justus passa por uma fase delicada, a parte profissional vai muito bem. O empresário volta a apresentar o “Aprendiz” e passa a ter dois programas na grade da Record – ele ainda apresenta o talk show “Roberto Justus +”. “Quando saí do SBT e retornei para a Record, já tinha conversado sobre a minha volta para ‘O Aprendiz’. Mas aí a Record resolveu dar uma ‘respirada’ para o reality show e voltamos só agora. Tinha uma pressão gostosa das pessoas pedindo para eu voltar a apresentar, não que o João Dória Jr. (que esteve à frente do programa em 2010 e 2011) não tinha a cara do programa, mas o público se identificava mais comigo”, contou.

Roberto Justus e o filho, Ricardo, que é diretor de 'O Aprendiz - O Retorno' e do 'Roberto Justus +'
Manuela Scarpa/Foto Rio News
Roberto Justus e o filho, Ricardo, que é diretor de 'O Aprendiz - O Retorno' e do 'Roberto Justus +'

A principal novidade de “O Aprendiz – O Retorno” é que os participantes já passaram peelo reality show. “Os concorrentes que foram demitidos nas edições anteriores terão uma segunda chance. Então não é só meu retorno, mas desses caras também. Serão oito homens e oito mulheres que já participaram do programa, mas por algum motivo foram demitidos. Mas ainda não vamos divulgar os nomes e eles têm contrato de sigilo para não falar com a imprensa ainda”, explicou. “Outros diferenciais desta temporada são que, ao invés de três meses, serão 49 dias de gravações e será exibido uma vez por semana”, completou.

Os prêmios para o vencedor do programa serão R$ 1 milhão e um emprego em uma das empresas de Justus com um salário de R$ 20 mil por mês. “Vamos estrear em setembro, ainda sem data definida, e a final será em dezembro”, disse o apresentador. Além disso, o talk show de Justus ficará integrado ao reality show durante essa temporada. “Vai ser ‘Roberto Justus+/O Aprendiz’, com cenas de bastidores e entrevistas com os eliminados”, revelou.

Mais um programa?

Roberto Justus pode ficar com três programas na televisão. O apresentador está negociando um game show com o canal de televisão a cabo NatGeo. “Ainda não posso falar qual é o programa. Estou dependendo da autorização da Record. Mas é para esse ano ainda.”

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.