Atriz conta que ainda é chamada pelas pessoas na rua por sua personagem em “Salve Jorge”


Laryssa Dias na chegada ao show de Daniel Boaventura, em São Paulo
AgNews
Laryssa Dias na chegada ao show de Daniel Boaventura, em São Paulo

Laryssa Dias ainda não conseguiu se ‘livrar’ de Waleska, sua personagem em “Salve Jorge”, da Globo. Assim que chegou ao Credicard Hall na noite dessa terça-feira (11), em São Paulo, para assistir ao show de Daniel Boaventura , ela foi logo reconhecida pelas pessoas como ‘a traficada da novela’. Em conversa com o iG, a atriz disse não se incomodar em ainda ser associada com o papel. “Eu acho muito bom, é muito gostoso quando as pessoas vem te dar um retorno do seu trabalho. Muitas vezes elas chegam emocionadas para falar comigo, porque era um núcleo tão tenso, tão denso, e falava de um assunto tão complexo e difícil. É bonito ver como as pessoas abraçaram a causa do tráfico humano”, garantiu.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Laryssa afirma que a atuação no horário nobre foi um marco em sua carreira. “Foi um presente em todos os sentidos. Aprendi muito com a Waleska, ela me transformou como atriz e ser humano. A principal lição que tive com ela é a coragem para tocar a vida, seja qual for a dificuldade”, acrescentou. Por enquanto, a atriz se prepara para fazer um longa, que ainda mantem em segredo. "Não posso falar nada por enquanto."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.