Apresentadora conta como emagreceu após o nascimento da caçula Eva, fala sobre a culpa de estar longe dos três filhos e revela como Luciano Huck é no papel de pai

Como toda mãe, Angélica sofre com a culpa de ficar longe de casa por causa do trabalho. Mas a apresentadora conta que a experiência de ter mais filhos  -   Joaquim , de 8 anos, Benício , de 5 e Eva , de oito meses - a fez lidar melhor com esse sentimento. “No meu primeiro filho eu lidava muito mal com isso, no segundo eu melhorei e no terceiro está amenizado (risos). Mas ser mãe é ter culpa, não tem como. Eu fico fazendo um mantra quando não estou com eles: ‘está tudo bem, está tudo bem’. Mas, claro, eu gostaria de estar lá, né?”, disse ela nesta terça-feira (28), durante o bate-papo com a cantora Wanessa , realizado em São Paulo.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Para a apresentadora, ter uma menina a fez voltar a brincar de boneca. “É tudo diferente acho que menina tem uma doçura, esse universo cor de rosa que todo mundo sempre falou é verdade. A mulher nasce com esse instinto de trocar, botar lacinho, roupinha. Mas os meus meninos também são uma delícia”, disse ela, que confessou que no começo os seus filhos ficaram com um pouco de ciúmes da irmã. “Foi uma coisa saudável, um ciúmes de território mesmo. Mas a gente tenta lidar, se desdobra para dar atenção para todo mundo, viro a mãe ‘polvo’ (risos)”.

“Luciano e Eva têm uma relação de olhar”

Angélica falou ainda sobre a relação do marido,  Luciano Huck , com a filha, Eva. “Os meninos exigem muito dele, até porque nesse começo estou amamentando a Eva e ela tem uma ligação muito grande comigo. Então, ele fica na logística para os meninos não sentirem ciúmes. Mas a Eva já deu uma conquistada básica, eles têm uma relação já só de olhar, que é de pai com filha”, relatou.

Angélica em evento na tarde desta terça-feira (28), em São Paulo
Amauri Nehn/Foto Rio News
Angélica em evento na tarde desta terça-feira (28), em São Paulo

Adoção

Recentemente, Regina Casé divulgou uma entrevista antiga com Angélica, em que ela falava da vontade de adotar. Porém, a apresentadora garantiu que ainda não pensa nisso. “Essas coisas acho que acontecem, é destino, é o momento. Realmente, não vou programar isso. Mas eu estou muito satisfeita com três filhos, eles me preenchem completamente”.

Boa Forma

Oito meses após dar à luz Eva, Angélica já está em plena forma. A apresentadora explicou que não fez nada específico para emagrecer. “Voltei a malhar agora, depois de um ano e meio sem fazer nada. Acho que o trabalho, o dia-a-dia e o fato de que eu sempre tive alimentação saudável ajudaram. Na verdade, não fiz nada muito especial. É trabalhoso (voltar à forma), óbvio, não vou falar ‘é minha genética’, algumas pessoas têm isso, eu não.”

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.