Segundo jornal, Keith Perry faz sermões pedindo orações pela cantora. "Eles estão amando e adorando a coisa errada", disse, se referindo aos fãs dela

O pastor Keith Perry , pai da cantora Katy Perry , disse que ela é "filha do demônio" e pediu que a sua congregação reze por ela. 

Curta fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Fontes do jornal "The Sun" contaram nesse domingo (21) que Keith e a esposa, Mary - também pastora -, estão visitando igrejas dos Estados Unidos pregando sermões contra a estrela, dizendo que ela é "demoníaca" e precisa ser "curada". 

Durante um sermão na igreja de Santa Fé Springs, na Califórnia, Keith teria feito uma série de ataques à filha. "Me perguntam como eu posso pregar se produzi uma filha que canta sobre beijar outra garota?", disse, se referindo à canção "I Kissed a Girl", sucesso de Katy Perry em 2008. "Eu estava em um concerto de Katy com umas 20 mil pessoas. Quase parecia uma igreja. Eu fiquei lá parado, chorando. E continuei chorando e chorando. Eles estão amando e adorando a coisa errada", continuou o pai da cantora. 

Ainda na mesma ocasião, Keith teria pedido doações - "Não apenas um ou dois dólares, mas vinte" - para fazer uma viagem à Suiça. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.