A atriz conta que profissão teria caso acabasse a carreira de atriz, fala sobre sua garçonete em "Sangue Bom", seu papel de mãe na vida real e confessa: "Tenho bastante rugas"

Longe das novelas desde “Ti Ti Ti”, de 2010, Malu Mader volta às telinhas como a garçonete Rosemary em “Sangue Bom”, nova trama das 19h de Maria Adelaide Amaral . A atriz, que estava entre as estrelas da festa da Rede Globo, em São Paulo, falou sobre o papel, a parceria mais uma vez com Felipe Camargo  e conta até que já carregou bandeja por amor a  Tony Bellotto .

Curta a fanpage do iG gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Garçonete dos Titãs

"Logo no início da banda, os Titãs tiveram um bar de sanduíches (em São Paulo), que se chamava Rock Dog. E quando tinha muita gente, as namoradas apagavam o fogo. A gente dava uma servida para ajudar. Em casa, tiro muito a mesa, sou boa no trabalho. Sempre penso em planos B, em outras profissões, o que eu faria se acabasse a carreira de atriz. Imagino manicure, secretária, cozinhar... Coisas que gosto de fazer."

Nova parceria com Felipe Camargo

“Além de ter sido uma parceira profissional muito feliz nos “Anos Dourados” (1984), fiz grandes amigos como o Felipe (Camargo), a Isabela (Garcia) , o Tata ( Taumaturgo Ferreira , seu ex-marido). Eu e o Felipe temos nos visto ao longo desses anos, não diariamente, mas é como se a gente tivesse se visto ontem. Gravamos pouco até agora e é ótimo ficar conversando com ele nos bastidores.”

Mãe na ficção

“Pelo o que sinto, o casal na trama ainda não é o foco da Maria Adelaide. O foco no início da novela é o filho, Filipinho (papel de Josafá Filho ), ela é uma mãe bem apaixonada. Ela teve uma relação com o Felipe Camargo lá atrás que resultou um filho e ela nunca mais o viu. Ela é mãe solteira e enlouquecida pelo filho. Ela é uma mãe leoa que tudo faz pelo filho, que vive para ele. Rosemary é uma personagem muito simpática, apesar de irritadiça, brava. Ela é engraçada, mas não cômica.”

Mãe e filha na vida real

“Isso é um julgamento que cabe aos outros fazerem, mas sou bastante apaixonada também. Tudo é diferente porque meus filhos ( Antonio e João ) têm um pai que é muito presente, apaixonado. O Tony é um pai-mãe, tenho bastante com quem dividir. Perdi minha mãe há pouco tempo e, fazendo a personagem, lembro muito dela. Ela era bem assim, engraçada de tão louca, entregue à maternidade até porque ela não teve mãe, perdeu muito cedo. Acho que ela imaginava o que era ser mãe e a imaginação às vezes era mais forte que a realidade.”

Ícone de beleza

Malu Mader sempre foi referência de uma beleza mais natural. Aos 46 anos, a atriz diz que continua adepta apenas do essencial, pelo menos no que se refere à maquiagem. “Passo um corretivo e um lápis preto”, conta ela, que ainda faz uma analise mais crítica: “Vejo que vou ficando mais velha e preciso de mais maquiagem. Tenho bastante rugas.” Para manter a forma, a atriz joga tênis diariamente há alguns anos.

Veja na galeria acima os artistas que participaram da festa da Globo realizada em São Paulo nesa terça-feira (27).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.