Apresentador nega sobre suposta crise no casamento, fala da criação dos filhos e adianta algumas novidades do "Caldeirão do Huck"

Luciano Huck participou do projeto A Turma do Bem, em parceria com a Oral-B, na tarde desta segunda-feira (18), no Credicard Hall, em São Paulo, e falou brevemente com a imprensa sobre o projeto beneficente, que vai fazer triagem da saúde bucal de adolescentes brasileiros em diversas cidades. “Fiquei conectado com o lado do terceiro setor. É muito importante trabalhar no terceiro setor, é uma incubadora de futuras políticas públicas, mas só quem consegue multiplicar isso é o governo, ou as grandes empresas”, falou ele.

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias dos famosos

Pai de três crianças – Joaquim , Benício e Eva –, o apresentador do "Caldeirão do Huck" falou ainda sobre o cuidado com a escovação dental dos pequenos. “Quando você tem filho, fica mais noiado com essas coisas (de escovar os dentes). Então você tem que educar as crianças em relação a isso. Não fico no pé, mas acaba se tornando um assunto recorrente”, comentou. Ainda no assunto filhos, Luciano falou sobre ter uma menina depois de dois filhos homens. "É bom, muito bom. É diferente, mas bom."

O apresentador ainda aproveitou para dizer que o casamento com Angélica está muito bem, diferentemente das notícias que circularam de que os dois estariam se separando. "Existem vários tipos de jornalismo no Brasil. Infelizmente têm aqueles que eu não considero, que as pessoas inventam histórias para tentar um tipo de notoriedade. Acho que sobra tempo para essas pessoas, mas o que me importa, de fato, é da porta para dentro da minha casa e lá está tudo muito tranquilo e muito bem", afirmou ele.

Instituto Criar

Engajado, Luciano também falou sobre seu projeto beneficente, o  Instituto Criar, que dá formação profissional a adolescentes de baixa renda. "A gente tem mais de 1.600 jovens formados. É mais do que um círculo virtuoso o que a gente faz lá, formando mão de obra para o que a gente trabalha aqui, formando técnicos em câmera, de roteiro. O que mais temos orgulho hoje em dia é o resultado e o impacto causado."

"Falo com 18 milhões de pessoas"

Internauta assíduo, o comunicador falou sobre os benefícios de usar Twitter, Instagram e Facebook como ferramente de relacionamento com os fãs. "Hoje em dia o diálogo com os fãs é muito diferente do que você tinha há 10 anos. Atualmente, do meu telefone falo com 18 milhões de pessoas e lá virou uma fonte de pesquisa inesgotável e também um meio de saber o que as pessoas estão pensando. Eu não respondo muito, mas leio o máximo que eu posso. Para o bem e para o mal."

Mudanças no "Caldeirão do Huck"

Para concluir, Luciano comentou sobre as mudanças que estão por vir no programa. "Você tem que mudar sem que o telespectador perceba que você está mudando. O ‘Caldeirão’ está no ar há 13 anos, mas a gente não faz sozinho, tem uma equipe bacana, a TV Globo que dá o suporte necessário, mas este ano vamos ter um monte de novidades, vai ter a estreia em Full HD, novos quadros, um monte de coisa nova vindo."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.