Ex-dançarina do “É o Tchan” espera a primeira filha, Brenda, com o nadador Fernando Scherer, o Xuxa, e conta um poquinho sobre a fama, o desejo de voltar a dançar com Scheila Carvalho e Jacaré e a fase que considera a melhor do mundo, a familiar

Atriz, cantora, sex simbol e uma das eternas dançarina do grupo “É o Tchan”, Sheila Mello está em uma nova fase de sua vida, a familiar. Na reta fina da gravidez de Brenda, primeira filha com o nadador Fernando Scherer , o Xuxa, Sheila não quer pensar em mais nada no momento. “Sei que as portas estarão abertas com os produtores que trabalhei, mas quero me dar de presente pelo menos um ano vivendo para a coisa mais importante da minha vida, minha família”, conta.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as últimas notícias dos famosos

Em entrevista ao iG , Sheila fala sobre as características físicas que já espera que a filha herde. “Em alguns ultrassons eu acho ela a cara do pai, mas sei que ela terá a famosa "beiçola" que é marca registrada da minha família”, se diverte, tentando imaginar como Brenda será.

Sheila também confessou que morre de vontade de dividir mais uma vez o palco com Scheila Carvalho e Jacaré . Veja como foi o bate-papo, por email:

iG: Como está a gravidez? Muitos enjoos e vontades?
Sheila Mello: Estou muito bem, não tive os enjoos que tantas mães relatam. Estou com 33 semanas e ainda malho, saio com meu marido, sou bem ativa. Agora, o que mais me incomoda são as varizes que não vieram para brincar e a dor na lombar. Na reta final, a minha maior vontade é não engordar mais que os 2kg que ainda estão no cronograma (risos).

Sheila Mello e Fernando Scherer à espera de Brenda
Instagram/Reprodução
Sheila Mello e Fernando Scherer à espera de Brenda

iG: Como o Fernando recebeu a notícia? Aliás, como você recebeu?
Sheila Mello: Eu havia feito o teste no laboratório, pois a menstruação estava atrasada. Não aguentei esperar o dia amanhecer e na própria madrugada com a senha e protocolo entrei no site do laboratório com meu celular. Quando apareceu que o resultado já estava disponível, minhas pernas tremeram. Ao ler que o Beta HCG (teste de gravidez) estava positivo, eu não acreditei e perguntei para o Fernando se era isso mesmo. Ele disse que eu estava gravidíssima.

iG: Seu corpo mudou muito? O que tem feito para manter a boa forma que sempre teve?
Sheila Mello: Eu amo meu barrigão, mas é claro que o corpo da mulher com 8 meses de gestação muda totalmente, a cintura de 69cm foi pra mais de um metro… A primeira regra foi segurar a alimentação, pois antes, eu malhava muito e o médico me pediu os três meses de início sem malhar, agora estou com personal e respeitando meus limites. Faço drenagem linfática uma vez na semana, mas minha sorte é que continuo sem paixão por doces, e sou amante de frutas e legumes, o que ajuda e muito.

iG: Quando você está sozinha, o que você conversa com a Brenda? Quais planos você já fez para ela?
Sheila Mello: Converso muito à noite, quando os afazeres do dia terminaram. Geralmente é o horário em que a família está jogada no sofá e ela mais mexe. Sempre falo o quanto sou feliz por tê-la na minha barriga. Eu tento não idealizar muito minha bebê, mas que ficarei doidinha se ela dançar, isso eu vou!

iG: A Brenda vai ter uma educação, uma realidade financeira e uma vida social diferentes das que você teve. Qual a maior lição que sua mãe te ensinou que você vai fazer questão de passar para ela?
Sheila Mello: A grande lição que minha mãe ensinou para os filhos foi a garra para alcançar os objetivos. Ela não é muito de palavras, mas os exemplos daquela guerreira são todos neste caminho, e também de ter um lar onde as refeições serão sagradas, com a família reunida sempre à mesa. Nossa, pensando bem, são tantas coisas geniais da dona Shirley!!!

iG: Já pensou em como você vai se “apresentar” para ela? O que vai falar sobre você, seu trabalho, sua fama, seus fãs?
Sheila Mello: Eu já passei por esta experiência com minhas sobrinhas menores que não acompanharam o Tchan, e não entendem  porque as pessoas querem tirar fotos comigo. Mas tenho tantos DVD's, revistas, jornais… Será um prazer apresentar a mãe dançarina dela.

Sheila Mello em seus tempos de 'É o Tchan', ao lado de Jacaré, Compadre Washington, Scheila Carvalho e Beto Jamaica
DIVULGACAO/REPRODUÇÃO
Sheila Mello em seus tempos de 'É o Tchan', ao lado de Jacaré, Compadre Washington, Scheila Carvalho e Beto Jamaica


iG: Como você imagina que ela seja? Tem alguma parte do seu corpo que quer que ela tenha igual? Ou alguma parte do corpo do Xuxa?
Sheila Mello: Isso dá pano para manga… Alguns ultrassons eu acho ela a cara do pai, às vezes ela parece comigo, tudo isso e ainda nem saiu da barriga, mas sei que ela terá os lábios carnudos como o meu! A famosa "beiçola" que é marca registrada da minha família. Mas como o pai é lindo, qualquer coisa que tenha dele será linda!

iG: Alguma qualidade que espera que ela tenha? E algum defeito que não quer que ela tenha?
Sheila Mello: Só quero que minha filha tenha um bom coração.

iG: Quem escolheu o nome Brenda?
Sheila Mello: Apresentei os nomes que eu mais gostava e o Fernando ficou de acordo com apenas Agatha e Brenda, mas quando fomos numa numeróloga para decidirmos a data de casamento, aproveitamos e fizemos a numerologia dos dois nomes, e Brenda seria a mais calminha. Isso foi suficiente para batermos o martelo.

iG: A Brenda é a primeira de muitos? Quantos filhos ainda pretende ter?
Sheila Mello: Muitos não, mas vou tentar negociar um segundinho!

iG: Com o nascimento da Brenda e sua vida de casada, como vai ficar sua carreira? Já pensou sobre o assunto? 
Sheila Mello: Estou no terceiro ano do curso de Bioenergética e tenho uma formação em terapia corporal. Há algum tempo venho no caminho de estudos do corpo, tenho intenção de trabalhar com isso, mas é claro que agora não consigo formatar nada. Estava numa peça e saí com seis meses. Sei que as portas estarão abertas com os produtores que trabalhei, mas quero me dar de presente pelo menos um ano vivendo para a coisa mais importante da minha vida, minha "Família".

iG: Você teve sua vida muito exposta. Você e o Xuxa se conheceram em um reality show, o casamento de vocês também foi televisionado via internet, como vai lidar com o assédio com a Brenda? 
Sheila Mello: Acho que cada família, e pessoa, acha o que seja melhor para ela. Eu tenho muito carinho por todos que me acompanharam, já que para entrar no Tchan fui escolhida pelo povo. Depois, com meu relacionamento num reality, criei alguns vínculos que acho bonito, claro que tudo tem sua medida.

iG: Com a comemoração dos 20 anos do “É o Tchan”, como você avalia sua participação? Qual a melhor lembrança que tem do grupo?
Sheila Mello: Minha participação foi linda, sempre respeitei muito o espaço, que foi bem difícil de conquistar. Fora que a dança sempre foi minha paixão e sei que fui privilegiada de trabalhar com isso. São tantas lindas memórias, que fica impossível eleger a melhor.

iG: Qual a melhor e pior coisa dos anos que passou no “É o Tchan”?
Sheila Mello: Acho que o cansaço às vezes nos cega, e não conseguimos aproveitar tudo de melhor. Quando eu viajava pelo mundo eu quase não saía do quarto, tudo para descansar.

iG: Deu para fazer muito amigos? Ainda mantém contato com os outros integrantes da sua geração?
Sheila Mello: Eu acho que a experiência que tivemos juntos, inclusive a banda, terão sempre um lugar especial na minha vida. Contato mais próximo tenho com a (Scheila) Carvalho e com o Jacaré.

iG: Se arrepende de alguma coisa?
Sheila Mello: Nadinha de nada...

iG: Muito se falou sobre um DVD especial para reunir os integrantes do “É o Tchan”. Você chegou a ser convidada? Aceitaria participar de um projeto desses e voltar aos palcos como dançarina?
Sheila Mello: Sou louca para dançar mais uma vez num trio com a Carvalho e Jacaré, não um retorno, e sim um "flashback". Isso se eu tiver fôlego!!!

    Leia tudo sobre: gravidez
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.