Segundo a Promotora de Justiça Christiane Monnerat, Zezé Polessa é suspeita de desrespeitar o Estatuto do Idoso

O Ministério Público vai investigar a morte do motorista da Globo,  Nelson Lopes , de 63 anos . O funcionário terceirizado da emissora errou o trajeto de uma gravação externa de Zezé Polessa para a novela " Salve Jorge " e os dois teriam tido uma discussão. Após deixá-la no local certo, começou a sentir-se mal, foi a um hospital, sofreu um infarto e morreu.

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias dos famosos

A Promotora de Justiça Christiane Monnerat , da 19ª Promotoria de Justiça, ordenou que a 32ª DP - Taquara, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, investigue a conduta de Zezé Polessa com o motorista. "O caso está em fase de investigação da Delegacia, ainda é preciso ouvir testemunhas", disse uma funcionária da 32ª DP ao iG

O inquérito policial investiga a atriz por suspeita de desrespeito ao Estatudo do Idoso, já que Zezé pode ter destratado o motorista quando ela errou o trajeto. Caso as investigações confirmem os maus tratos, a atriz vai ser encaixada no artigo 96 do Estatuto do Idoso, que fala sobre humilhação. "Discriminar pessoa idosa, impedindo ou dificultando seu acesso a operações bancárias, aos meios de transporte, ao direito de contratar ou por qualquer outro meio ou instrumento necessário ao exercício da cidadania, por motivo de idade". A pena para o crime varia de seis meses de reclusão a um ano de multa.

Fernanda Lacombe , assessora de imprensa da atriz, falou ao iG que Zezé ainda não se pronunciou sobre o caso e que "oficialmente a Globo também não se pronunciou, uma vez que ainda não teve notificação".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.