Integrante do “Mulheres Ricas 2” fala sobre a aceitação do público após sua estreia no reality da Band

“Cadê minha bolsa? Como uma mulher rica fica sem bolsa?”, indagou Andréa de Nóbrega , em busca de sua peça, que estava nas mão da assessora. O questionamento era porque a ex-mulher de Carlos Alberto de Nóbrega não queria sair com as mãos abanando enquanto era fotografada em sua chegada a uma casa de espetáculos, em São Paulo.

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias dos famosos

A participante da segunda edição do “Mulheres Ricas”, da Band, foi assistir a seu primeiro show de Zezé Di Camargo e Luciano . Lá, falou sobre a recepção do público após sua estreia no reality. “Estou sendo mais conhecida e reconhecida, eles (o público), estão me aceitando. Uns gostam, outros não, mas até agora o público está me aceitando bem”, afirmou Andréa, que diz ter uma ligação forte com Mariana Mesquita .

Já sobre sua relação com Val Marchiori, ela prefere não falar sobre nenhum atrito. “Só a vi duas vezes”, explica. E como foram esses encontros? “Bom dia, bom dia. Boa noite, boa noite”.

Sobre a falta de convite para Val para participar de uma festa organizada para as outras integrantes de “Mulheres Ricas”, ela explica: “Eu não a conhecia. Mas não a convidei porque, vai que ela fala não, né?”.

Para explicar a relação do grupo durante os três meses de gravação do reality, Andrea resume: “Tem muito blá blá, blá, muito ti, ti, ti, mas estamos indo bem”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.