Mesmo com a ajuda financeira, atriz ainda não conseguiu quitar a dívida com o imposto de renda

Charlie Sheen emprestou mais de R$ 200 mil (US$ 100 mil) para Lindsay Lohan amenizar as dívidas fiscais. De acordo com informações do site "TMZ", os atores ficaram próximos depois de contracenarem juntos na filmagens de "Todo Mundo em Pânico 5", no mês de setembro deste ano.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias dos famosos

Lohan teria desabafado com o ator que estava enfrentando dificuldades financeiras e ele resolveu ajudá-la, já que segundo amigos da atriz, os dois passavam muito tempo juntos dentro e fora do set. A publicação afirma que a atriz devia quase R$ 485 mil (US$ 233 mil) em impostos atrasados entre os anos de 2009 e 2010.

Quando Charlie ofereceu pessoalmente o dinheiro, a atriz agradeceu a ajuda, mas recusou. No entanto o ator insistiu, fez um cheque e o entregou ao empresário de Lindsay. Encantada com a generosidade dele, a atriz aceitou o dinheiro e aplicou na dívida com os impostos. Depois da quantia emprestada pelo ator, a dívida de Lindsay caiu pela metade. 

Mas o "TMZ" lembra que a atriz ainda tem cerca de R$ 4,1 milhões (US$ 2 milhões) para receber até o final deste ano. Relembre na galeria acima o ensaio de Lindsay Lohan para o fotógrafo Terry Richardson.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.